Meio Bit » Baú » Games » Quase metade do lucro dos jogos mobile vem de apenas 0,22% dos jogadores

Quase metade do lucro dos jogos mobile vem de apenas 0,22% dos jogadores

Estudo descobre que apenas 2,2% dos que se dedicam a jogos para dispositivos móveis gastam dinheiro com eles e o que é ainda pior, quase metade de tudo o que é arrecadado por esses games vem de apenas 0,22% dos jogadores.

10/04/2014 às 14:30

mobile

Com algumas empresas e pequenos desenvolvedores faturando verdadeiras fortunas com o desenvolvimento de jogos para dispositivos móveis, muitas pessoas tem olhado para esse mercado e visto ali uma excelente oportunidade de negócios. Porém, um estudo mostrou que ter sucesso neste ramo pode ser muito mais difícil do que aparenta.

Realizado por uma empresa chamada Swrve, a pesquisa coletou os dados de 30 jogos durante 90 dias e rastreou o comportamento de mais de 10 milhões de jogadores. No fim, eles descobriram que apenas 2,2% dessas pessoas gastaram algum dinheiro com os games e pior, 46% de todo o valor arrecadado veio de apenas 0,22% dos jogadores.

Outro número impressionante registrado pelo estudo diz respeito a quantidade de pessoas que largam o jogo depois de 24 horas, algo em torno de 66% e de acordo com o CEO da companhia, Hugh Reynolds, funciona da mesma maneira como num primeiro encontro, pois se a impressão do jogador for positiva, isso terá que acontecer rapidamente.

Porém, como observou Ben Cousins, da DeNA, o relatório não é tão surpreendente e a impressão é que a Swrve - empresa que oferece uma plataforma que permite que as desenvolvedoras e editoras analisem o desempenho de seus jogos - está apenas tentando passar uma imagem pior para vender seus serviços. Para o executivo, ter 40% de retenção no segundo dia provavelmente levaria um jogo assim ao sucesso.

Quem está com a razão neste caso, é difícil dizer, mas acho que o levantamento feito por eles deve ser levado em consideração e serve para termos uma melhor noção sobre o quão complicado pode ser o mercado mobile, pois apesar do imenso tamanho que ele possui, ainda são alguns poucos jogadores que o tem sustentado e acho que isso é o mais preocupante.

Fonte: GamesIndustry e Re/code.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários