Meio Bit » Baú » Games » Produtor diz que remake do Final Fantasy VII demoraria muito para ser feito

Produtor diz que remake do Final Fantasy VII demoraria muito para ser feito

Se você é um dos fãs do Final Fantasy VII e adoraria jogar um remake do jogo, saiba que o produtor da série voltou a descartar tal produção. Pelo menos por enquanto.

18/02/2014 às 13:00

final-fantasy-7

Pois é meus amigos, já estamos em 2014 e ainda existe um número considerável de pessoas que esperam por um remake do Final Fantasy VII e caso você seja uma delas, o produtor Yoshinori Kitase concedeu uma entrevista onde voltou a dizer que dificilmente ele será feito.

Posso te dizer honestamente que adoraria fazer isso. Se você simplesmente me perguntar se pessoalmente eu gostaria de fazê-lo, sim, eu gostaria. Não há mentira sobre isso, mas você precisa acreditar quando digo que levaria muito tempo para acontecer.

Para o produtor, existem três fatores que pesam contra o projeto, que é a disponibilidade de pessoas, o orçamento e a motivação pessoal, pois na sua opinião, este seria o maior projeto com o qual já se envolveu, aquilo que ele classificaria como “o trabalho de sua vida”.

Como Kitase acha pouco provável que esses três elementos se alinhem, por enquanto ele prefere não descartar completamente a possibilidade de um dia vermos um novo FF7, mas reforçou que isso não deverá acontecer tão cedo.

Para termos uma ideia do tamanho do problema que o pessoal da Square teria nas mãos, o japonês chegou a dizer que para fazer o remake com a qualidade do Final Fantasy XIII eles demorariam algo entre três ou quatro vezes mais do que precisaram para criar o jogo do Xbox 360 e PlayStation 3, o que me faz pensar no enorme custo de produção e evidentemente, no risco envolvido.

Como a cada declaração de alguém da Square a criação deste jogo parece mais distante, acho que o jeito é nos contentarmos com a versão lançada recentemente para PC ou ainda melhor, mantermos apenas a lembrança de um jogo que marcou época.

Fonte: Eurogamer.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários