Meio Bit » Baú » Hardware » Sem querer esperar pela MWC 2014, LG apresenta o G Pro 2

Sem querer esperar pela MWC 2014, LG apresenta o G Pro 2

LG revela na Coreia do Sul o G Pro 2, seu novo foblet top de linha capaz de filmar vídeos em 4K; produto estará disponível ao público durante a MWC 2014

13/02/2014 às 9:30

lg-g-pro-2-001

Não é essa a primeira vez: ao invés de guardar sua munição para a Mobile World Congress, a LG prefere fazer o anúncio de seus novos produtos pouco tempo antes do nício da feira, talvez para evitar dividir a atenção com os anúncios da Samsung e já dar uma ideia a seus fãs do que eles encontrarão. Desta vez, faltando menos de uma semana para a MWC 2014 foi anunciado na Coreia do Sul o LG G Pro 2, o sucessor do seu atual foblet top de linha.

À primeira vista ele se parece com o Optimus G Pro, com a ressalva de ser um pouco maior: de 5,5 polegadas ele conta com um display IPS Full HD de 5,9", o que lhe confere uma densidade de 373 pixels por polegada. Por baixo do capô repousa um SoC Snapdragon 800, quad-core com clock de 2,26 GHz e GPU Adreno 330, além de 3 GB de RAM, 32 GB de armazenamento interno com suporte a Micro-SD, redes Wi-Fi, 4G/LTE, GPS, NFC, compatibilidade com SlimPort, bateria de 3.200 mAh e Android 4.4 KitKat. Como seu irmão mais velho LG G2 e boa parte dos dispositivos mais recentes da empresa, os botões físicos foram para parte traseira, abaixo da câmera. A tela também conta com o recurso KnockON, onde bastam dois toques para bloquear ou liberar a tela.

E por falar em câmera, ela é o grande destaque do foblet. Enquanto a frontal não possui nada demais, possuindo 2,1 megapixels e é capaz de filmar em Full HD, a traseira é semelhante à presente no G2 com 13 megapixels e estabilizador de imagens, porém recebeu uma injeção de esteroides e pode filmar em 4K a 120 fps. Nada mal.

Ainda não há informações quanto ao lançamento fora da Pior Coreia, mas ele estará disponível para degustação na MWC 2014 e muito provavelmente novas informações serão liberadas durante o evento. E como a LG tem intensificado sua participação no Brasil, é provável que ele não demore muito a aparecer por aqui.

Fonte: LG (em coreano).

relacionados


Comentários