Meio Bit » Arquivos » Demais assuntos » Sony diz que ainda não desistiu do PlayStation 3

Sony diz que ainda não desistiu do PlayStation 3

Executivo da Sony diz que intenção da empresa é manter o PlayStation 3 vivo por mais dois ou três anos e qualquer um que tenha o console certamente está torcendo muito para isso acontecer.

13/02/2014 às 10:00

playstation-3

Para desespero dos que ainda não mudaram de geração, aos poucos os novos consoles estão ganhando terreno e uma ou outra empresa já afirma que seus próximos lançamentos serão criados tendo o PS4 e o Xbox One como prioridade, como foi o caso da Activision. Mas se você é dono de um PlayStation 3, o executivo de marketing da Sony, John Koller, afirmou que não há com o que se preocupar.

Acreditamos que a plataforma ainda tenha muito a dar. Dois, três, quatro anos; nós achamos que ainda reste tempo para a ela. Depende do conteúdo. Temos uma boa linha de lançamentos para esse ano e parece que uma boa linha para o ano que vem. Precisamos continuar abastecendo ela. Nós realmente precisamos manter o PS3 vivo e para fazer isso, temos que incrementar o conteúdo. Acho que haverá uma boa história para o PS3 pelos próximos dois ou três anos.

A declaração certamente é muito boa, mas acho que devemos olhar para ela com alguma desconfiança. Dizer que o console continuará recebendo jogos por mais alguns anos não significa muita coisa, pois quem passou pelas gerações anteriores sabe que muitas vezes isso quer dizer apenas um ou outro jogo de esporte, como por exemplo o FIFA 14, que acredite, teve uma versão também para o PlayStation 2.

Porém, se olharmos para alguns dos jogos que serão lançados em 2014 para o PS3, realmente percebemos que ele ainda pode oferecer muita diversão, afinal, quem precisaria de um novo videogame tendo à sua disposição títulos como o Tales of Symphonia Chronicles Compilation, Drakengard 3, Yaiba: Ninja Gaiden, Dragon Age: Inquisition, Final Fantasy X/X-2 HD Remaster, Dark Souls 2 ou Castlevania: Lords of Shadow 2? E isso só para citar alguns.

Enfim, a situação ficará realmente desesperadora quando começarmos a ver vários jogos de peso que não receberão versões para os aparelhos da sétima geração, mas até lá, acho que eles ainda poderão dar um bom caldo.

Fonte: Gamespot.

relacionados


Comentários