Meio Bit » Baú » Demais assuntos » São Francisco declara Barcaça do Google Persona Non Grata

São Francisco declara Barcaça do Google Persona Non Grata

Lembra da misteriosa barcaça do Google, que ninguém sabe pra que serviriam, embora a aposta de um local para festas com blackjack e prostitutas seja bem provável? Não tinham licença pra construir a unidade em São Francisco, agora terão que arrumar outro lugar.

04/02/2014 às 17:47

Plane Watchers

Nos anos 80 um mafioso e um investidor questionável resolveram montar uma usina de produção de metano na Carolina do Norte. A fonte de material seria o lixo de Nova York. Para suprir a usina, o lixo seria levado por barcaças. A primeira, chamada Mobro 4000 levaria mais de 3.000 toneladas em uma viagem de menos de 500 km. Só que a imprensa descobriu, e o projeto começou a desmoronar.

O pessoal da Carolina do Norte não gostou da idéia de receber lixo de NY, e NY por sua vez não queria o lixo de volta. Tentando se livrar do material, a Mobro começou a descer a costa dos EUA, entrou pelo golfo do México, foi repelida pela marinha mexicana e chegou até Belize. No final ela voltou pra NY, onde o lixo foi incinerado.

A rejeição tradicional dos EUA por projetos obscuros usando barcaças agora voltou à tona, e o alvo é o Google, que já não está sendo muito bem-visto em São Francisco por causa da crise imobiliária. Agora descobriu-se que a gigantesca barcaça sendo construída pelo Google em São Francisco (entre outros lugares) não tem alvará. Estão estacionados em uma área alugada do Governo, por US$ 72 mil, mas isso não inclui permissão para construir nada.

A solução será mover a barcaça para outro lugar, sendo que agora que todo mundo está ciente do problema, o aluguel com certeza subirá.

Curioso ver como mesmo um gigante como o Google consegue ser amador e falhar no planejamento. Será por ser algo completamente fora do core business deles?

Fonte: AP.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários