Meio Bit » Baú » Games » Novo gerente fala sobre o futuro da Criterion Games

Novo gerente fala sobre o futuro da Criterion Games

Novo responsável pela Criterion Games fala sobre o futuro do estúdio e diz que próximo projeto deles irá além dos carros, sugerindo que não deverá ser um jogo de corrida.

30/01/2014 às 14:30

burnout-paradise

No início deste ano os fãs da Criterion Games foram surpreendidos com a notícia de que seus dois fundadores, Alex Ward e Fiona Sperry, haviam deixado o estúdio e com o posterior anúncio de que Matt Webster assumiria o cargo de gerente geral da desenvolvedora, a pergunta que muitos estavam se fazendo era: O que acontecerá daqui em diante?

Pois durante uma entrevista ao IGN o novo nome forte da subsidiária da EA tentou responder essa e outras questões, deixando claro que deverão tomar novos caminhos nos próximos lançamentos.

Iremos além dos carros, isso é certo… Acho que uma das coisas que vocês precisam perceber é que sempre tivemos uma extraordinária quantidade de liberdade para fazer qualquer coisa que escolhêssemos. Quando fomos para o Need for Speed, era absolutamente o que queríamos fazer; quando escolhemos não fazer um Need for Speed, era o que queríamos. Sempre fomos os donos de nosso destino, não tenha dúvidas.

Webster não quis explicar o motivo que levou Ward e Sperry a saírem do estúdio e afirmou que a redução no número de funcionários da Criterion foi algo necessário, mas que assim que eles decidirem no que trabalharão a seguir, a equipe receberá novos profissionais, o que poderá ser muito bom, pois essas pessoas poderão trazer outros conceitos à desenvolvedora.

Eu desconfio que esse interesse por novos gêneros poderá desagradar aqueles que esperam ansiosamente por um novo Burnout e diante de tal informação, não me surpreenderei se a série continuar sob a responsabilidade de outro estúdio da EA, com o Ghost Games sendo um dos mais prováveis candidatos, mesmo porque hoje muitos ex-Criterion estão trabalhando por lá.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários