Meio Bit » Baú » Games » Toshiba lançará TVs que receberão jogos pela nuvem

Toshiba lançará TVs que receberão jogos pela nuvem

Toshiba revela linhas de TVs que poderá receber jogos do serviço de streaming GameNow. Será que a moda pega?

13/01/2014 às 11:30

toshiba

Eu não consegui entender o porque de algumas pessoas ainda não acreditarem na execução de jogos pela nuvem. Embora serviços assim sejam limitados a algumas regiões e não consigam exibir games com a mesma fluidez de algo que esteja rodando em uma máquina dedicada, eles já mostraram que funcionam, podendo ser uma ótima solução para quem não está disposto a investir num console ou num computador parrudo.

Pois deve ter sido pensando nesse último grupo de pessoas que a Toshiba revelou durante a CES que lançará uma linha de televisores que terão acesso direto ao GameNow, tecnologia de streaming de jogos administrado pelos taiwaneses da Ubitus.

Para demonstrar a novidade, a fabricante colocou algumas TVs na feira que estavam rodando a versão para PC do Street Fighter X Tekken e ainda disse que outros títulos da Capcom deverão ser disponibilizados desta maneira, como o Dead Rising 2, Devil May Cry 4 e Resident Evil 5, além de alguns da Warner Bros., como o Batman: Arkham Asylum.

Todos feitos com telas LED e que podem ir desde 32 até 65 polegadas, os modelos que estarão prontos para receber o streaming são o L3400U, L5400U e L7400U, com previsão de chegarem aos Estados Unidos ainda no primeiro trimestre deste ano, mas mesmo que esses aparelhos apareçam por aqui, acho pouco provável que tal recurso esteja disponível.

Mesmo assim, é legal ver que empresas como a Toshiba estão de olho neste mercado, o que provavelmente fará com que outras fabricantes também disponibilizem algo semelhante em suas TVs, aparelhos de Blu-ray, tablets e notebooks, e embora ache que essa forma de distribuição ainda demorará alguns anos para chegar ao Brasil, penso que se acontecer, poderá dar uma boa alavancada no nosso mercado, onde jogos e consoles custam tão caros.

Fonte: Reuters.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários