Meio Bit » Baú » Ciência » Empresa lança satélite comercial com direito a vídeo HD

Empresa lança satélite comercial com direito a vídeo HD

A SkyBox (outra, não a da muamba) liberou o primeiro vídeo de seu satélite de observação terrestre. É algo que nunca foi feito antes, ao menos por empresas comerciais: um filme com qualidade Full HD, resolução de 1 m por pixel feito da órbita terrestre. Bem-vindo ao futuro onde todo mundo lança satélites. Você não, Brasil.

03/01/2014 às 8:00

skybox-2

Fundada em 2009, a Skybox Imaging não tem nada a ver com aquela empresa que todo mundo usa pra trazer muamba dos EUA. É uma startup criada por um grupo de Stanford, e que passou os primeiros 6 meses de vida tendo como sede a sala de visitas da casa de um dos sócios. A idéia deles era popularizar o acesso a imagens de satélite, indo até onde o fio dental e os drones não chegam.

Como satélites comerciais eram muito caros, começaram a desenvolver tecnologia própria, usando componentes comerciais e anos de experiência em cubesats. Chegaram ao SkySat (o forte deles não é a criatividade em batizar coisas). Um satélite do tamanho de um frigobar, com 100 kg e capacidade de fazer vídeos de 90 segundos, em Full HD, com resolução de 1 metro por pixel.

O uso é imenso. Padrões de trânsito, microclima, monitoração de danos em casos de terremotos ou inundações, inspeções remotas em regiões de conflito… o céu, digo, o chão é o limite.

A Skybox pretende colocar em órbita 28 satélites até 2018. O primeiro já subiu em novembro, e depois de testes e calibragens, começaram a fazer imagens. Agora liberaram o primeiro vídeo em Full HD, filmado do espaço por um satélite comercial. Veja:

No tempo da Guerra Fria russos e americanos matariam por essa capacidade, ou mais provavelmente pagariam bilhões. Por muitos anos o meio de conseguir imagens em alta resolução era lotar um cartucho de filme, encaixar em um veículo de reentrada e capturar ainda no ar quando estivesse voltando pra Terra. O SkySat fornece essas imagens em tempo real, pra qualquer um.

Agora, o melhor de tudo. Ao contrário de certos países que levam anos e anos, gastam US$ 250 milhões e seus satélites explodem ou quebram, a SkyBox faz o dever de casa e não joga dinheiro fora. TODO o investimento da empresa, acumulado, foi de US$ 90 milhões, desde 2009.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários