Meio Bit » Baú » Games » Gaijin Entertainment e a dificuldade em criar jogos F2P para consoles

Gaijin Entertainment e a dificuldade em criar jogos F2P para consoles

Para executivo da Gaijin Entertainment, jogos Free-to-Play precisam ter mais qualidade para fazer sucesso nos consoles, o que por sua vez exige um maior investimento.

06/12/2013 às 10:00

war-thunder

Algumas pessoas estão defendendo a ideia de que as microtransações serão bem mais comuns na nova geração do que muitos gostariam, algo que vários títulos desta leva inicial já mostraram, mas para Anton Yudintsev, CEO da Gaijin Entertainment, criar jogos assim para os videogames é muito mais complicado que para o PC.

Na opinião do executivo, o grande problema é que os jogadores de videogames são mais exigentes e por isso é necessário um investimento muito maior na criação de games que adotem este modelo.

Os jogadores de console estão mais acostumados com o conceito de comprar jogos, jogos premium. Mas uma das razões para isso é que nunca houve jogos Free-to-Play suficiente com o nível de qualidade dos consoles. Bem, somos uma desenvolvedora de consoles, o War Thunder [que será lançado para o PS4] tem a qualidade de console.

No Free-to-Play, há muito conhecimento em como fazer um game design interessante para as pessoas jogarem por meses ou mesmo anos, mas em termos de jogabilidade bruta, qualidade de produção e excelência técnica, a maioria deles não se concentram em nada disso. Há exceções, mas a maioria deles não fazem isso.

O interessante nisso é que se essa busca por mais qualidade realmente acontecer, até os jogadores de PC se beneficiarão, já que os jogos gratuitos no geral poderão se tornar melhores e assim perder um pouco do estigma de que todo F2P não presta.

Ainda segundo Anton Yudintsev, é pouco provável que um dia nos adaptemos a jogar sem que nossos cérebros faça a distinção entre um jogo gratuito ou pago, mas mesmo que ele tenha razão, o importante é que o maior número possível de pessoas tenha acesso aos games e se os Free-to-Play forem melhores, não tenho dúvidas de que contribuirão muito para que isso aconteça.

Fonte: GamesIndustry.

relacionados


Comentários