Meio Bit » Baú » Games » EA registra marca Desert Strike

EA registra marca Desert Strike

EA pede registro da marca Desert Strike e sugere que série pode estar prestes a ser resgatada.

03/12/2013 às 10:00

desert-strike

O ano era 1992. O mundo havia acabado de assistir pela televisão a ofensiva dos Estados Unidos e seus aliados contra o Iraque e enquanto as explosões provocadas por inúmeros mísseis Tomahawk ainda eram controladas, a Electronic Arts viu no conflito uma excelente oportunidade de lucrar, lançando o Desert Strike: Return to the Gulf, jogo que rapidamente se tornou um clássico.

Nele tínhamos como objetivo destituir do poder o temido General Kilbaba, que havia assumido o controle de uma emirado e se tornado ditador, numa clara referência a Saddam Hussein. Mas como faríamos isso? Pilotando o icônico helicóptero Apache, de onde deveríamos realizar diversas missões e ainda nos preocupar com a munição e o combustível.

O título ganhou diversas continuações e criou um estilo de jogo que, mesmo tendo conquistado uma grande número de admiradores, sabe-se lá porque foi completamente abandonado por seus criadores, o que poderá ser corrigido em breve.

A possibilidade surgiu depois de a EA ter pedido ao órgão de patentes e ao escritório de marcas norte-americano o registro do nome Desert Strike, o que pode ser um forte indício de que a empresa estaria estudando ressuscitar a franquia.

É claro que tal movimento pode ter sido feito apenas para lhes proteger, mas só de pensar em um novo jogo com a tecnologia atual, não consigo segurar a empolgação. A única exigência que faço é que a visão isométrica seja mantida, no máximo utilizem a mesma câmera do Soviet e do Nuclear Strike, caso contrário, não será um Desert Strike.

Fonte: Player Attack.

relacionados


Comentários