Meio Bit » Baú » Games » Para fundador da Naughty Dog, Nintendo é irrelevante quando se trata de hardware

Para fundador da Naughty Dog, Nintendo é irrelevante quando se trata de hardware

Fundador da Naughty Dog e ex-presidente da THQ diz que Nintendo se tornou irrelevante quando se trata de hardware e acha que empresa deveria disponibilizar seus jogos em outras plataformas.

03/12/2013 às 12:55

wii-u-cardboard

Você provavelmente já ouviu algum figurão da indústria dizendo que a Nintendo deveria desistir do mercado de hardware e licenciar seus jogos para outras plataformas, assim como vimos acontecer com a Sega e quem parece concordar com essa ideia é Jason Rubin, um dos fundadores da Naughty Dog e ex-presidente da THQ.

Durante uma entrevista onde falou sobre a nova geração, o executivo deu uma forte declaração onde classificou a empresa japonesa como irrelevante em se tratando de hardware e percebendo que iria causar a ira dos fãs da BigN, tentou contornar a situação.

Para Rubin, ninguém conseguirá se equiparar a Shigeru Miyamoto e a Nintendo pode ser considerada um tesouro mundial, mas concluiu seu raciocínio afirmando considerar um crime os jogos desenvolvidos por eles não estarem disponíveis em outras plataformas.

Apesar das vendas do Wii U poderem servir como um indicativo de que o executivo está correto, confesso que não sei muito bem o que pensar sobre esse assunto. Por um lado essa abertura seria uma excelente maneira da Nintendo tornar-se ainda mais popular e faturar rios de dinheiro com seus jogos sendo vendidos, por exemplo, para tablets, smartphones e computadores, mas por outro, eles perderiam justamente o que os diferenciou por tantos anos.

Também é importante notar que a Nintendo é conhecida por sua teimosia, o que atrasou bastante sua adesão às mídias ópticas, aos gráficos em alta definição e até mesmo à internet, o que pode ter feito com que perdessem uma certa relevância no últimos anos e por isso é difícil acreditar que um dia eles permitirão que suas franquias apareçam em aparelhos produzido por outras companhias.

Só não tenho muita certeza sobre até quando eles continuarão se sustentando apenas com as vendas dos portáteis, porque para o Wii U a coisa está complciada.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários