Meio Bit » Baú » Games » Não gosta de microtransações? Então se prepare…

Não gosta de microtransações? Então se prepare…

Para fundador da Avalanche Studios, microtransações e assinaturas serão o futuro dos games, mas a quem isso pode beneficiar?

29/11/2013 às 8:30

dead-space-3

A indústria de games vê nelas uma maneira de conquistar novos consumidores e consequentemente aumentar o lucro, já alguns jogadores desconfiam que a prática é apenas uma maneira preguiçosa e desonesta das empresas alcançarem nossas carteiras, mas de acordo com Christofer Sundberg, diretor criativo e fundador da Avalanche Studios, é bom nos acostumarmos, pois as microtransações vieram para ficar.

As microtransações, assinaturas e outros modelos de negócios serão a próxima geração dos games. Simples assim. Basicamente é para onde estamos seguindo. Certamente haverá cag****, mas com sorte abaixaremos o preço de entrada e construiremos jogos com a comunidade.

Embora eu também não goste muito deste estilo de cobrança, na maior parte do tempo procuro manter minha cabeça aberta a jogos que adotam o modelo Free-to-Play, simplesmente por achar que é possível encontrar diversão neles.

O problema é que muitas desenvolvedoras não sabem (ou não querem) nos oferecer um título que possa ser aproveitando sem que precisemos gastar dezenas de dólares para progredir e isso tem deixado uma péssima imagem sobre as microtransações.

Sendo assim, será que um dia todos os jogos serão distribuídos desta forma? Acho um pouco difícil, mas se isso acontecer, pode esquecer aquelas promoções fantásticas que as lojas sempre fazem ou mesmo a revenda de usados e se para as editoras isso seria ótimo, será que teríamos alguma vantagem em pegar um Final Fantasy ou um Grand Theft Auto e descobrir que novos personagens, itens ou até mesmo munição só estarão disponíveis depois que um determinado valor for descontado dos nossos cartões?

Fonte: Gamespot.

relacionados


Comentários