Meio Bit » Baú » Games » Criador não espera levar o Oculus Rift aos novos consoles

Criador não espera levar o Oculus Rift aos novos consoles

Para criador do Oculus Rift, plataformas fechadas dos consoles os impedirá de receber o acessório.

14/11/2013 às 13:00

oculus-rift

Eu sinceramente não sei muito bem o que pensar sobre o Oculus Rift. Se por um lado os comentários daqueles que já testaram o acessório são bastante empolgantes, não podemos ignorar o seu preço elevado e o fato de que esta não é a primeira promessa de levar óculos de realidade virtual para os games.

Nesta tentativa de popularização, permitir que o Rift funcione com os consoles da próxima geração poderia facilitar muito as cosias, mas Palmer Luckey, o criador do aparelho, explicou porque ele não será compatível com o Xbox One e o PlayStation 4.

Os consoles são muito limitados para o que queremos fazer. Queremos criar o melhor dispositivo de realidade virtual do mundo e queremos continuar inovando e o atualizando a cada ano – continuar fazendo progresso internamente – e sempre que fizermos grande saltos, iremos querer levar isso ao público.

O problema com os consoles no geral é que uma vez lançados eles ficam presos a uma determinada especificação por muito, muito tempo. Olhe para os PCs que existiam há oito anos. Houve tantos avanços desde então.

Agora olhe para os aparelhos de realidade virtual hoje. Acho que o salto que veremos nos próximos quatro ou cinco anos será imenso e como a realidade virtual é uma coisa muito intensa, ela requer renderizações a alta resolução, com mais de 60 frames por segundo e em 3D.

Pensando no futuro acho que ele tem razão, mas não consigo ver porque a empresa não poderia oferecer o acessório para os consoles da maneira como ele será quando for lançado, deixando claro que possíveis melhorias só estarão disponíveis no PC.

A sensação que tenho é de que essa falta de interesse se trata mais de uma questão de licenciamento, mas independente do motivo, o Oculus Rift deixará de atingir uma parcela importante da indústria e ainda abrirá espaço para que outras empresas o explorem, como a própria Sony.

Fonte: GamesIndustry.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários