Meio Bit » Baú » Games » Construa seu próprio portátil com o DIY Gamer Kit

Construa seu próprio portátil com o DIY Gamer Kit

Visando incentivar a paixão das crianças pela tecnologia, empresa britânica lança kit que nos permite criar nosso próprio videogame portátil.

07/11/2013 às 14:30

dyi-gamer-kit

Há quem defenda a ideia de que os videogames portáteis não tem futuro, o que explicaria o porque de outras fabricantes não se arriscarem em um mercado tão incerto como este, mas o que os ingleses da Technology Will Save Us estão propondo é digno de elogios.

Conhecido como DIY Gamer Kit, trata-se de produto que visa deixar nas mãos do usuário a responsabilidade por criar um portátil, que obviamente não terá a capacidade técnica de um PlayStation Vita, mas poderá fazer algo mais valioso, que é incitar em crianças a paixão pela tecnologia.

Contando com 40 partes, o kit é composto por um chip Arduino Uno, uma tela com 64 pixels, um até mesmo um transmissor infravermelho que permitirá partidas multiplayer. Quem adquirir o pacote, que custa cerca de US$ 80, receberá jogos clássicos como Breakout e Snake, mas o objetivo é fazer com que o usuário explore o código fonte e então dê vida às suas próprias criações.

De acordo com Bethany Kobym, uma das responsáveis pela proposta, 70% dos alunos britânicos disseram que o principal contato te eles tem com tecnologia na escola é com apresentações feitas no PowerPoint e que por isso o pessoal da TWSU espera contribuir para um “mundo onde os indivíduos possuam a habilidade de imaginar e criar dispositivos que sejam feitos sob medida e mais significativos por terem sido criados por suas próprias mãos.

Como os envolvidos no projeto deixaram claro, nãos e trata de uma aparelho que tenta competir com um videogame portátil ou mesmo um smartphone, muito menos substituí-los, mas sim de uma ferramenta que tem uma objetivo muito mais nobre e nesse sentido, penso até que este poderia ser um belíssimo investimento para escolas que desejam fazer com que seus alunos pensem um pouco fora da caixa.

Fonte: Wired.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários