Meio Bit » Arquivos » Hardware » LG G Flex, o smartphone flexível "for real" será lançado mundialmente

LG G Flex, o smartphone flexível "for real" será lançado mundialmente

Smartphone curvo da LG realmente flexível será lançado "em breve" nos Estados Unidos, Europa e China, com grandes chances de também aparecer no Brasil

05/11/2013 às 15:30

lg-g-glex-japinhas-coreanas

Samsung e LG deram a entender que seus smartphones curvos, o Galaxy Round e o LG G Flex seriam provas de conceito, a princípio os reservando apenas ao mercado sul-coreano. Entretanto parece que a número dois do mercado de Androids resolveu que vai brigar de frente pelo mercado, o que significa que seu bananaphone é um aparelho bom demais para ficar restrito ao mercado interno.

Durante evento realizado hoje, a LG revelou que o G Flex começará a ser vendido no mercado sul-coreano no dia 12 de novembro, com ofertas das três principais operadoras. Porém, ao ser perguntado sobre se a empresa pretendia lançá-lo fora da península, um porta-voz admitiu que de fato o aparelho estará disponível em escala mundial, dizendo que Estados Unidos, Europa e China receberão o G Flex "o mais rápido possível".

lg-g-flex-launch

Tal estratégia faz sentido partindo do fato que o LG G Flex parece um aparelho mais bem acabado do que o Galaxy Round: ainda que o foblet da Samsung possua um display Full-HD e gimmicks que aproveitam a curvatura da tela, a LG preferiu adicionar features que nenhum outro aparelho possui até então: uma traseira com cobertura elástica que é capaz de regenerar pequenos danos; uma bateria realmente curva (a Sammy também está pronta para utilizá-las, mas não a introduziu no Round); o fato de que uma tela curva no comprimento faz mais sentido para consumir vídeos (batendo novamente na tecla de suas TVs curvas) e mais interessante: ainda que de forma limitada, seu aparelho é realmente flexível:

Claro, não é nada como dobrar e enfiar no bolso de moedas, mas o G Flex é capaz de ficar completamente reto caso seja aplicada uma força ou um peso sobre ele, e posteriormente voltar ao formato original.

Considerando que ele se trata de um G2 inflado e o mesmo chegou no Brasil mais em conta do que a concorrência (mas ainda caro, é bom frisar), é provável que vejamos ele aportar por aqui por um valor não muito diferente - a menos é claro, que a LG Brasil decida que tela curva é fator premium por aqui e cobre os olhos da cara, algo que não duvido.

E você, caso o LG G Flex chegue por aqui por um preço mais em conta, você compraria? Arriscaria colocá-lo no bolso de trás da calça? Acha que telas curvas são o futuro ou apenas moda passageira? Dê seu pitaco nos comentários. 🙂

Fonte: G4Games via The Verge.

relacionados


Comentários