Meio Bit » Baú » Internet » Microsoft Remote Desktop é lançado para Android e iOS

Microsoft Remote Desktop é lançado para Android e iOS

Microsoft Remote Desktop para Android e iOS permite que os usuários acessem remotamente computadores com Windows a partir de smartphones e tablets

18/10/2013 às 11:45

Notebook com Windows 7 sendo acessado remotamente via iPad

Notebook com Windows 7 sendo acessado remotamente via iPad

Acesso remoto é, desde sempre, uma senhora mão na roda, seja para uso residencial ou, principalmente, comercial. Afinal, na hora de dar suporte aos usuários ou simplesmente resolver algum problema, é muito mais fácil e rápido fazê-lo remotamente do que ter que se deslocar até o equipamento em questão. Se você, assim como eu, tem o costume/necessidade de acessar remotamente computadores rodando Windows com uma boa frequência, principalmente através de algum dispositivo mobile, a Microsoft resolveu dar uma mãe e lançou, nesta quinta-feira, o aplicativo Microsoft Remote Desktop para Android e iOS. Você deve estar se perguntando: e para Windows Phone? Pois é...

O funcionamento é muito similar a outros aplicativos como VNC e LogMeIn, mas tem menos opções de personalização que alguns deles. Basta que o usuário acesse o aplicativo, adicione o computador que será acessado (que, obviamente, deverá ter o acesso remoto ativado), inserir as credenciais e ser feliz. Infelizmente, o MRD não faz uma busca na rede local, o que obriga o usuário e inserir o nome do computador ou o IP manualmente.

Nos meus testes utilizando um tablet e estando dentro da mesma rede, o aplicativo se mostrou extremamente eficiente. No entanto, diferente do que consta na descrição do app para iOS, a exibição de vídeo está longe de ser em alta qualidade, fazendo com que o vídeo ficasse picando o tempo todo. Já a transmissão de áudio não apresentou qualquer problema. Uma outra coisa que gostei muito no app foi a quantidade de opções exibidas na tela relacionadas ao teclado (vide imagem no começo do post), que proporciona um uso muito agradável do computador remotamente.

Não cheguei a testar no celular e, sinceramente, acho que a experiência não deve ser das mais bacanas. A menos que você tenha um aparelho com uma tela bem grande e/ou não tenha o dedo gordo como eu, já deve dar para imaginar a dificuldade para selecionar as coisas na pequena tela. Se alguém testar em um smartphone, deixe as suas impressões nos comentários. 🙂

Fonte: Engadget.

relacionados


Comentários