Meio Bit » Baú » Games » Sega explica porque tem apostado nos dispositivos móveis

Sega explica porque tem apostado nos dispositivos móveis

Além de permitirem experiências, executivo da Sega diz dispositivos móveis são uma ótima maneira da empresa levar seus jogos e personagens a novos jogadores.

18/10/2013 às 14:30

kingdom-conquest-2

Por mais que eu seja um apaixonado por videogames, ainda não consegui me render aos smartphones ou tablets como plataformas de jogos. Tudo bem, há uma série de títulos mais elaborados para esses aparelhos, mas a falta de botões é algo com a qual ainda não me acostumei, mas pelo jeito sou um dos poucos a pensar assim, já que o número de pessoas que os utilizam para esse fim só tem aumentado.

Isso obviamente tem feito com que muitas empresas tradicionais invistam nesse mercado, como é o caso da Sega. Com mais de 40 games lançados para essas plataformas, alguns deles originais e outros versões mais simples de marcas conhecidas, o vice-presidente de negócios digitais da desenvolvedora, Chris Olson, explicou porque eles estão acreditando nesta área.

Queremos estar onde os jogos estão. Acho que a coisa mais poderosa dos dispositivos móveis, para nós como companhia, é a audiência em potencial. É uma oportunidade de apresentar aos novos jogadores os games da Sega e os seus personagens.

Outro ponto muito interessante tocado pelo executivo diz respeito a criatividade, já que segundo ele, devido ao tempo de produção, os tablets e smartphones são um ótimo lugar para que os estúdios façam experiências e caso o jogo se saia bem por lá, nada impede que eles o tragam para os consoles.

Por falar nisso, Olson revelou que esta conversão entre plataformas é uma das principais aposta da Sega para o futuro, pois eles acreditam que a melhor coisa que pode acontecer para a indústria é permitir que os jogadores tenham acesso ao seu título preferido em qualquer aparelho, permitindo que eles possam se divertir quando estiverem diante da TV ou dentro de um ônibus enquanto vão para o trabalho, e quem ousará discordar disso?

Fonte: Polygon.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários