Meio Bit » Baú » Games » Um passeio por um museu de fliperamas nos EUA

Um passeio por um museu de fliperamas nos EUA

Museu americano organizou exposição de fliperamas e quem teve o prazer de visitar o lugar pode conhecer algumas das máquinas mais raras do planeta.

15/10/2013 às 13:00

National-Museum-of-Play

Se você for aos Estados Unidos e quiser conhecer um pouco da história dos videogames, uma boa dica é visitar a cidade de Rochester, no estado de Nova York. Lá está situado o National Museum of Play, um espaço dedicado aos brinquedos e que além de ter adquirido uma impressionante coleção de 7.000 jogos japoneses, organizou recentemente uma exposição onde os arcades eram o destaque.

No lugar estiveram em exibição algumas das máquinas mais raras do planeta, como um Tetris com peças e controles enormes, uma recriação do fliperama da animação Detona Ralph, um gigantesco pinball do Hercules ou ainda um fliperama que oferecia jogos do Super Nintendo.

No vídeo abaixo é possível ver o editor do blog Game|Life testando algumas dessas máquinas e tenho quase certeza que boa parte do pessoal que passou horas dentro de fliperamas nas décadas de 80 e 90 sentirá uma grande inveja do sujeito.

Brincadeiras a parte, isso me fez perceber que sinto falta dos fliperamas, da sensação que era entrar naqueles lugares onde a única coisa que importava era tentar conseguir a maior pontuação possível ou sagrar-se o melhor do lugar. Quer dizer, pelo menos era assim que se sentiam aqueles que estavam ali interessados apenas nos jogos.

Infelizmente essa época não deverá voltar, mas se você se é um apaixonado pelo assunto, vale a pena ficar de olho na página do California Extreme, evento que anualmente reúne aqueles que tentam manter vivo o (bom) espírito dos fliperamas.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários