Meio Bit » Baú » Mobile » Android nível hard: Galaxy Gear roda apps reais normalmente

Android nível hard: Galaxy Gear roda apps reais normalmente

Modo Debug USB do Galaxy Gear permite instalação de apps reais do Android normalmente, apesar da óbvia limitação da tela de 1,6 polegada.

10/10/2013 às 10:30

Candy Crush no Galaxy Gear

O Galaxy Gear chegou no Brasil como companion gadget do Galaxy Note 3 com certa pompa, apesar do valor um tanto de R$ 1.299,00 em um aparelho que possui grandes limitações: ele só é compatível até o momento com o atual foblet top da Sammy e o Note 10.1, únicos aparelhos da companhia com o Android 4.3 Jelly Bean.

Entretanto fuçadores de plantão, na ânsia de ver até onde o relógio esperto pode chegar não demoraram a constatar o óbvio: por rodar uma versão customizada ao extremo do Android 4.2.2, ele permite rodar qualquer aplicativo Android normal sem problemas - exceto a óbvia restrição que uma tela de 1,63 polegada traz.

Para isso é preciso entrar nas configurações do aparelho e ativar o modo Debug USB, que permite instalar apps de terceiros. Com isso basta colocar o case carregador do Galaxy Gear, conectar o relógio no PC e instalar o arquivo .apk diretamente. Com isso é possível utilizar aplicações como jogos, mas como o relógio não se conecta com a internet diretamente (ele depende do smartphone para isso), programas que dependam de dados da rede são capados.

galaxy-gear-apps

Alguns apps mais simples, como o game Candy Crush Saga e o navegador Dolphin Browser Mini rodam normalmente. Outros mais pesados como Angry Birds se mostraram demais para o pobre smartwatch. E como até agora a comunidade ainda não conseguiu acesso root a ele, apps do Google como Gmail, YouTube e outros ainda não podem ser instalados. Mas convenhamos, é questão de tempo. Particularmente eu ainda acho o Smartwatch 2 da Sony mais interessante.

Fonte: Ars Technica.

relacionados


Comentários