Meio Bit » Baú » Games » Capturar gameplays no PS4 não será uma tarefa tão simples quanto se pensava

Capturar gameplays no PS4 não será uma tarefa tão simples quanto se pensava

Diferente do XBox One, saída de vídeo do PS4 contará com proteção HDCP: quem utilizar placa de captura para driblar limitações da função Share estará infringindo a DMCA!

13/09/2013 às 17:30

ps4-share-button

Quando a Sony anunciou que o PS4 viria com uma função que nos permitiria compartilhar nossos vídeos de jogatina na internet, muita gente viu isso como uma grande oportunidade para viabilizar ainda mais os canais de streaming ou os Let's Play do YouTube. Entretanto o que a Sony não mencionou é que o serviço terá algumas limitações de copyright, isso porque diferente da Microsoft, a empresa japonesa preferiu por inserir o sistema de proteção HDCP em seu console.

Para quem não sabe, o sistema chamado High-bandwidth Digital Content Protection (ou Proteção Digital de Conteúdo de Banda Larga) é um sistema de segurança anti-cópia desenvolvido pela Intel e que funciona da seguinte forma: cada dispositivo tem uma chave de segurança. Quando eles são ligados entre si, as duas máquinas comparam suas chaves e caso sejam compatíveis liberam um terceiro sinal criptografado, de modo de apenas eles posam executar aquele conteúdo. Caso um dos dois aparelhos não seja compaível a qualidade do sinal é derrubada, uma imagem Full HD será exibida com qualidade de DVD (480p).

A Sony já havia dito que o PS4 será capaz de gravar apenas os últimos 15 minutos de jogo e que as produtoras poderiam limitar a função Share caso desejassem, o que poderia ser resolvido com uma placa de captura. Só que como o PS4 aderiu ao HDCP e ele não possui outra porta de saída que não a HDMI, o usuário precisará de um stripper para decodificar o sinal, e ao fazer isso estará infringindo a DMCA. Ainda que não represente grande coisa para nós aqui, para um cidadão americano isso é um problema e tanto.

A Sony meio que blindou o PS4, dizendo que os únicos serviços compatíveis com o console são UStream, TwitchTV, Facebook e a própria PSN, nada foi dito sobre o YouTube. O líder do projeto PS4 Mark Cerny chegou a mencionar que o serviço de vídeos do Google seria um dos que a Sony poderia dar suporte no futuro, mas nada foi confirmado. Claro, há a opção de baixar o vídeo do streaming para esses serviços e editá-lo para disponibilizá-lo no YouTube, mas isso não parece ser uma opção lá muito elegante.

Do lado da Microsoft, ainda que o sistema do Xbox One também não forneça suporte direto ao YouTube, pelo menos o console não aderiu a esse sistema de segurança, o que não constitui quebra de segurança gravar os vídeos via placa de captura. Já a Nintendo... bem, a gente sabe que ela ama (o dinheiro de) vídeos de Let's Play.

Fonte: Ars Technica.

relacionados


Comentários