Meio Bit » Baú » Internet » BitTorrent Bundle é tentativa da empresa em desvincular seu nome da pirataria

BitTorrent Bundle é tentativa da empresa em desvincular seu nome da pirataria

BitTorrent Bundle for Publishers entra na fase Closed Alpha em 24/09; plataforma é uma forma da empresa se desvencilhar da associação com a pirataria

12/09/2013 às 12:00

bittorrent-bundle-for-publishers

Ainda que muita gente use o BitTorrent para diversas formas de compartilhamento de arquivos, o formato é e sempre foi relacionado diretamente à pirataria, não há como negar isso. A empresa está tentando mudar essa imagem com o BitTorrent Bundle, uma plataforma lançada em maio que permite artistas, gravadoras e estúdios montarem seus próprios pacotes e distribuírem o que desejarem na rede.

Diversos artistas como Pixies, Linkin Park, Public Enemy e o empreendedor e autor do best-seller The 4-Hour Workweek Timothy Ferriss aderiram neste primeiro momento de testes, e agora é hora de expandir: a empresa anunciou que em 24 de setembro vai disponibilizar o BitTorrent Bundle for Publishers em modo Closed Alpha, ampliando o alcance para os pequenos provedores de conteúdo.

O formato é bem simples e acessível: o usuário baixa o que desejar, e caso queira material "premium" só precisa cadastrar seu e-mail. Com o plano de expansão, a intenção é fornecer todas as ferramentas necessárias para que eles criem seu próprio bundle.

Através do site, o usuário faz upload de tudo o que deseja disponibilizar, e define as regras do pacote: o que pode ser baixado livremente e o que depende do cadastro de e-mail. Não há restrição de tamanho ou tipo de arquivos. Uma vez terminado o download, o BitTorrent cria uma página customizada e a divulgação fica por conta do dono do conteúdo.

A empresa diz que desde o lançamento da plataforma mais de 18 milhões de bundles já foram baixados, o que é um número impressionante. Ainda que as pessoas queiram acesso ao material pelo menor preço possível (neste caso, de graça), o artista/autor pode ao invés de disponibilizar um álbum inteiro distribuir uma amostra de um single, o primeiro capítulo de um livro, e com o cadastro do e-mail fornecer material que não está disponível nas lojas. Tudo depende da forma de divulgação.

Fonte: TNW.

relacionados


Comentários