Meio Bit » Arquivos » Internet » Cristo Redentor chega ao Google Street View

Cristo Redentor chega ao Google Street View

Um dos monumentos mais conhecidos do mundo agora pode ser acessado via Internet por todos. As imagens foram captadas no primeiro semestre de 2013 com o Trekker.

04/09/2013 às 18:30

O cartão-postal mais conhecido do Brasil agora pode ser visitado por todo o mundo via Internet

O cartão-postal mais conhecido do Brasil agora pode ser visitado por todo o mundo via Internet

Há um ditado, criado só Deus sabe por quem, que diz mais ou menos que “ir ao Rio de Janeiro e não visitar o Cristo Redentor é como ir a Roma e não ver o Papa”. Não sei muito bem se a comparação faz sentido, uma vez que nunca visitei Roma, muito menos vi o Papa, mas não posso concordar que é quase um crime capital ir ao Rio e não dar um pulo para conhecer a estátua do Corcovado. E isso vale para pessoas de qualquer religião, uma vez que, além de todo o simbolismo que há para os católicos, a vista lá do alto é desbundante.

Infelizmente, nem todos podem visitar um dos monumentos mais conhecidos do mundo, seja pela falta de tempo ou por questões econômicas (o pessoal mete a mão MESMO!). No entanto, se você está no grupo dos que ainda não puderam visitá-lo, os seus problemas acabaram-se-se. Ou mais ou menos isso.

No final da tarde desta quarta-feira, o Google Brasil anunciou a liberação das imagens do Cristo Redentor captadas em abril deste ano. Agora, todos os brasileiros e demais terráqueos (em ordem de prioridade) poderão visualizar não somente a estátua que foi considerada uma das novas Sete Maravilhas do Mundo, mas, também, a Cidade Maravilhosa (sou mineiro, ok?) em 360º.

Funcionária do Google carrega o Trekker utilizado na captura das imagens do Cristo Redentor (Imagem: Google)

Funcionária do Google carrega o Trekker utilizado na captura das imagens do Cristo Redentor (Imagem: Google)

As imagens foram captadas com o Trekker, aquela mochilinha maneira do Google que é equipada com um sistema de câmeras similar ao utilizado nos carros do serviço e conectada a um celular com Android, que auxilia o operador a fazer os registros, e é amplamente utilizada em locais onde os carros não podem chegar. Segundo o Google, esta foi a primeira vez que o equipamento foi utilizado no país.

Fonte: Google.

relacionados


Comentários