Meio Bit » Baú » Internet » Hackearam o Twitter da Britinéia

Hackearam o Twitter da Britinéia

06/01/2009 às 3:40

Um parente daquela cabeça de burro que está enterrada debaixo da sede da Microsoft reside a 7 palmos, na sede do Twitter. Essa semana não foi um, foram dois acontecimentos constrangedores. Primeiro um scam com um site falso solicitando senha e username, que todas as ovelhinhas prontamente preencheram, passando para picaretas milhares de senhas.

Agora uma falha nas ferramentas internas do Twitter (sim, foi sério assim) permitiu que um cidadão malvado colocasse as mãos em um monte de twitters de gente famosa, como Barack Obama, Fox News e Britney Spears.


não, ela não ficou louca de raiva. Não de raiva.

O pessoal do Twitter reconheceu o problema em seu blog, e juraram que todas as contas voltaram a seus legítimos donos, e que o bug foi resolvido, mas sugere que todos verifiquem seus dados e mudem suas senhas.

O que podemos tirar disso tudo? Bem, o Twitter já é relevante o bastante para atrair a atenção dos Caras Malvados. É o mesmo motivo de terem surgido tantas falhas de segurança no Firefox, em 2008. Ninguém vai se dar ao trabalho de procurar falha de segurança em programa ou serviço que não é usado.

Também fica claro que o Twitter tem bem mais que problemas de escalabilidade, se as ferramentas internas estavam acessíveis a estranhos assim, muito provavelmente não há um modelo pensado para proteção de dados e segurança do serviço. Eu já vi gente que se defendia de investir em segurança com a lógica "somos muito pequenos, ninguém vai nos invador", e é possível que o Twitter tenha a mesma postura.

Veremos. 2009 será o Ano do Twitter, ele se tornou uma ferramenta válida não só para dizer ao mundo qual foi meu café da manhã quanto para reportar notícias de importância mundial, praticamente em tempo real.

O Twitter está pronto para ser o Centro das Atenções? Sinceramente, acredito que não.

Fonte: Twitter

relacionados


Comentários