Meio Bit » Baú » Indústria » Fortes rumores de demissões na Microsoft

Fortes rumores de demissões na Microsoft

03/01/2009 às 13:52

O site Fudzilla publicou uma nota alertando que a Microsoft estaria preparando demissões em massa de até 17% de seu staff, o que significaria 15.000 cabeças. Há notícias de que algumas divisões revisaram suas projeções de vendas para 2009, com queda de até 90%.

Algumas divisões estão seguras, como o grupo Live, menina dos olhos de Ray Ozzie, ou a divisão no XBOX360, mas outras áreas, como o grupo MSN e a parte de pesquisa pura podem ser bem afetadas.

O Deadline para anúncio das demissões é 15 de Janeiro, longo antes da apresentação de resultados do 2o Trimestre de 2008 em 22/1.

Os maiores cortes, dizem os boatos, ocorrerão nas divisões da África, Oriente Médio e Europa.

Será verdade? Reestruturações acontecem, mas dificilmente nos números apresentados, que pelo visto estão bem exagerados. Henry Blodget, investidor veterano de Wall Street comentou:

"A menos que os negócios da Microsoft tenham sido absolutamente esmagados nos últimos dois meses, não há razão para a empresa cortar tanto. As margens de lucro da Microsoft estão bem, e muito dessa receita vem de contratos plurianuais, que não afetariam um trimestre de receita"

Bem, a Microsoft pode estar se preparando para enfrentar o Ano do Linux (2010) ou então mudando seu modelo. Já há bastante indício que querem migrar para as nuvens, e que os grandes grupos de desenvolvimento se mostraram ineficientes. Portanto não duvido que Ray Ozzie esteja enfrentando seu grande medo -dois caras em uma garagem- transformando a empresa em um monte de pequenas garagens semi-independentes, ao invés de grandes galpões.

O quê acontecerá? Quem viver até dia 15, verá. E se você não viver até lá, ô sujeito azarado, hein?

Fonte: Cnet

relacionados


Comentários