Meio Bit » Baú » Indústria » PDA Linux Sharp Zaurus - MOR-REU!

PDA Linux Sharp Zaurus - MOR-REU!

18/12/2008 às 16:24

Eu até poderia dizer que a culpa é do Linux –ei, eu posso!- A culpa é do Linux. Mas não é. O Zaurus sempre foi um produto fadado ao fracasso, por mais que freetards inocentes pregassem a morte iminente do Windows Mobile Diante De Um Adversário Claramente Superior.

Existe mais do que Qualidade Técnica na lista de requisitos para um produto de sucesso, e a Sharp falhou ao prover um excelente hardware, mas sem dizer para quê ou para quem servia.

zauros

Existem produtos de nicho e produtos de gueto. Produtos de nicho, como o Blackberry podem se popularizar incrivelmente (como foi o caso). Produtos de gueto nunca vão além de suas próprias pequenas fronteiras. Um excelente produto de gueto são os tablets da Nokia, N810 e similares. Mexa 5 minutos com um e você vai querer. Tente justificar racionalmente e passará a próxima hora enrolando a si mesmo.

O Zaurus tentou (tarde demais) ser um gueto dentro do nicho. Usuários de PDA já eram espécie em extinção. Embora eu nunca vá perdoar a Dell por ter matado a linha Axim, entendo perfeitamente seus motivos. Já a Sharp tentou entrar em um mercado moribundo, saturado, com um produto alternativo.

Linux em PDAs sempre foi piada de mau gosto. Até usuários PalmOS esnobavam os ports capengas que surgiam de vez em quando. A Sharp apresentou um produto decente, com uma péssima (e não-justificada) fama. Seu público restringiu-se aos compradores de impulso e aos freetards mais radicais, que queriam algo “livre” de qualquer jeito. Nenhum desses grupos é multiplicador.

Quando um dono de iPhone vai “evangelizar” alguém mostra os recursos, os programas, filmes, etc. Quando um freetard tenta arregimentar um incauto, desanda a filosofar, e ninguém quer isso. Queremos produtos legais. Ponto.

Seu marketing deveria ter sido mais agressivo, menos gueto e mais nicho. A Nokia por exemplo nem cita o nome “Linux” nos anúncios de seus tablets. Cita que são bons, bonitos e funcionam. Quer precisa saber que eles rodam Linux, já sabe.

O Zaurus parecia ser um produto legal, mas chegou tarde, já vai tarde e no máximo dividirá um jazigo com o Sony Clié.

E ao contrário da Palm, não é uma morte que me traz alegria.

Fonte: Akihabara News

relacionados


Comentários