Meio Bit » Baú » Indústria » VexDay sim, e daí?

VexDay sim, e daí?

03/12/2008 às 22:11

Hoje foi VexDay em milhares de pontos de acesso WIFI da empresa espalhados pelo mundo, menos em hotéis e aeroportos na Argentina. Coitados dos hermanos (not!)

A idéia é tentar tornar relevante o serviço, mas eles não perceberam que a culpa de ninguém usar a Vex exceto em último caso não é nem de tecnologias como 3G, mas da própria ganância da empresa, somada a um histórico de incompetência de dar raiva, ainda mais quando contamos (e pagamos) pelo serviço.

A Vex é basicamente um monopólio. O famigerado ícone "WIFI Zone" na verdade é "Vex Zone", não adianta NADA um estabelecimento como o Franz Café propagandear "WIFI", se na verdade apenas disponibilizam Vex. Pago.

Minha experiência com a Vex foi a pior possível, em inúmeras ocasiões. De andar na chuva para chegar a um hotspot, segundo indicação do site da empresa, para descobrir que a tal lanchonete não existia há mais de seis meses. Em diversas ocasiões fiquei no telefone com o suporte até acabar a bateria do notebook (e era um Toshiba pesadão) e cheguei a receber ligação de um diretor da empresa tentando fazer um "controle de danos".

Passei a utilizar o GPRS do celular para conexão Internet, era preferível pagar o valor elevado das operadoras de telefonia do que o valorda Vex, pois mesmo que custassem R$1,00 por mês ilimitado, se um serviço não é confiável, se ele vive te deixando na mão, ainda assim é caro.

Esperemos que a moda de bares com WIFI, como o Applebee`s pegue. Já vi mais de um hotel em São Paulo onde o acesso no lobby era gratuito, e redes como a Accor disseram não ao monopólio da Vex, oferecendo acesso decente, rápido e de outros provedores.

Fonte: IDG Now! via César Cardoso (não somos parentes)

relacionados


Comentários