Meio Bit » Games » Tencent adquire 80% do estúdio responsável pelo Path of Exile

Tencent adquire 80% do estúdio responsável pelo Path of Exile

Na sua incansável tentativa de conquistar o mundo dos games, a Tencent acaba de adquirir uma enorme quantidade de ações da Grinding Gear Games, estúdio neozelandês que nos deu o excelente Path of Exile.

2 anos atrás

Falar sobre o Path of Exile ou a Grinding Gear Games sem falar sobre jogos free-to-play é algo praticamente impossível. Indo contra tudo o que estamos acostumados a pensar sobre games distribuídos gratuitamente, o estúdio neozelandês conseguiu entregar um ótimo RPG que pode ser aproveitado sem gastarmos um tostão e como eles conseguiram conquistar muitos admiradores por isso, era natural que surgisse o interesse de companhias maiores.

De acordo com o diretor Chris Wilson, investidas tem acontecido pelos últimos cinco anos e após muitas conversas e negociações, a GGG enfim aceitou uma proposta feita pela Tencent. Com isso a gigante chinesa passará a controlar 80% das ações da desenvolvedora.

Permaneceremos uma companhia independente e não haverá grandes mudanças na maneira como operamos,” afirmou Wilson. “Conversamos com CEOs de outras companhias nas quais a Tecent investiu e nos garantiram que a Tencent nunca tentou interferir no game design ou nas operações fora da China. Manteremos o controle total sobre o Path of Exile e só faremos mudanças que considerarmos as melhores para o jogo.

O executivo disse também que não haverá alterações na maneira como o PoE é monetizado nos servidores internacionais (leia-se, fora da China) e que o objetivo do estúdio num primeiro momento será aproveitar esse investimento feito pela Tencent para aumentar o quadro de funcionários. Hoje eles contam com 114 profissionais trabalhando em tempo integral e a ideia é subir este número para 130.

Se tudo correr conforme o planejado por eles, a Grinding Gear Games pretende continuar lançando expansões para o Path of Exile, o que poderá ser facilitado e agilizado com a contratação desse pessoal. Em contrapartida, isso seria ótimo para quem continua jogando o hack and slash que possui versões para PC e Xbox One.

Já a Tencent segue espalhando seus tentáculos pela indústria de games. Além da Grinding Gear Games, eles controlam a Riot Games, a Supercell, a Glu Mobile e a Bluehole Inc. (só para citar algumas), além de possuírem ações da Ubisoft, Epic Games e Frontier Developments. A dúvida que muitos possuem no momento é: qual será a próxima?

relacionados


Comentários