Meio Bit » Ciência » 68 anos de carros de polícia

68 anos de carros de polícia

Carros de polícia são bem mais que carros comuns pintados. Neste post mostramos o novo híbrido que a Ford está apresentando pras polícias em 2018, e um vídeo com a evolução das viaturas da empresa, desde 1950.

15/04/2017 às 23:01

302025

Na verdade o número é bem maior que 68. A Ford vem fazendo carros de polícia desde o Modelo T, mas começaram mesmo a customizar os modelos em 1950. Você sabe, só uma polícia muito burra escolheria para seus carros o modelo mais barato e fraco do mercado. Nos EUA a polícia usa às vezes muscle cars legítimos, como Mustangs.

Para 2018 a Ford está apresentando o Police Responder, que tem uma característica inédita em carros de polícia: é um híbrido.

ford-hybrid-police-ca_gree

Felizmente carros como a McLaren P1 e o Porsche 918 já tiraram dos híbridos a imagem de carro de ecochatos, criada pelo anêmico Prius. O Responder consegue andar a 100 km/h em modo híbrido, com o motor a combustão gerando energia para a bateria e os motores elétricos. Em baixa velocidade ele é 100% silencioso, rodando só no elétrico.

Se o motorista pisar no acelerador fundo por mais de 5 segundos o carro entra automaticamente em modo Perseguição. O motor passa a fornecer energia 100% pra tração, e a bateria adiciona potência com os motores elétricos. Não se sabe se ele terá todos aqueles parangolés aerodinâmicos da Supermáquina em Pursuit Mode (spoiler: não).

O grande trunfo é economia. Ele fará 16 km/L na cidade. Parece pouco mas não é um Fusca (quem usaria um Fusca como carro de polícia?). Na verdade é metade do consumo do Crown Victoria que as polícias estão usando hoje em dia. Mesmo com gasolina barata ele economizará US$ 3.877 por ano só em combustível.

Como se chegou ao Police Responder 2018? Foi uma longa estrada:


Ford Police Responder Hybrid: The Evolution of Police Vehicles | Hybrid and Electric Vehicles | Ford Motor Company

Fonte: The Drive.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários