Meio Bit » Games » BGS 2017 — Xbox One X chega ao Brasil antes do Natal, mas vai custar caro

BGS 2017 — Xbox One X chega ao Brasil antes do Natal, mas vai custar caro

Phil Spencer confirma compromisso de lançar o Xbox One X no Brasil a tempo do Natal, mas joga limpo: o novo console da Microsoft vai custar bem caro.

3 anos atrás

xbox-one-x

A Microsoft mais uma vez afirmou seu comprometimento com o mercado brasileiro: durante a BGS 2017, em evento realizado no estande da companhia o presidente da divisão Xbox Phil Spencer confirmou que o Xbox One X, sua nova powerstation chegará ao país a tempo das festas de fim de ano mas alerta: ele não será barato.

Quando a Microsoft introduziu o Xbox One X durante a E3 2017 a companhia havia sido bem clara que seu lançamento seria global, e considerando que o primeiro modelo de seu atual console chegou no Brasil no mesmo dia que no resto do mundo (algo bem raro por sinal), esperava-se que ele desse as caras aqui no dia 7 de novembro. No entanto o executivo, que na última reestruturação do corpo executivo da Microsoft foi promovido a vice-presidente executivo da divisão Gaming e passou a se reportar diretamente ao CEO Satya Nadella (o que na prática tira o Xbox da divisão de Windows e Dispositivos, quando ele era subordinado a Terry Myerson) revelou durante a Xbox Fan Fest que ele desembarcará por aqui depois.

Num primeiro instante as unidades do Xbox One X não serão produzidas na Zona Franca de Manaus, sendo importadas e isso levanta preocupações acerca do preço, visto que a montagem dos consoles em solo brasileiro ajuda (em teoria) a derrubar os valores finais. A decisão, segundo Spencer foi tomada para permitir que todos tenham acesso ao novo console antes do Natal. O mesmo se deu com as unidades iniciais do Xbox One S, que foi lançado no dia 22 de setembro pelo preço sugerido de R$ 2.199,00 (nos EUA, US$ 249).

E sobre o preço, embora não tendo-o revelado Spencer foi taxativo: o Xbox One X chegará custando caro. A Microsoft Brasil tem consciência da crise econômica pela qual o Brasil passa, porém o executivo acredita que seus produtos gamer possuem boa aceitação no país, e isso posto a meta foi priorizar a disponibilidade. Num primeiro momento seu preço sugerido será definitivamente elevado (dado o cenário atual eu não duvido que ele chegue custando entre R$ 3 mil e R$ 4 mil), mas conforme a produção nacional seja estabelecida os preços tanto do One X quanto do One S deverão atingir patamares mais acessíveis. Como sempre, quem não souber esperar (ou não quiser importar) vai ter que pagar o preço.

Spencer prefere cobrir todos os perfis de consumidores (desde os que preferem uma máquina mais barata aos que desejam poder absoluto) a não oferecer um portfólio de devices no Brasil, mesmo que isso signifique enfiar a faca num primeiro momento. Caberá ao consumidor decidir onde seu calo aperta e o que ele quer.

No mais, Spencer adiantou que a campanha de marketing em torno do Xbox One X será agressiva, e promoverão recursos exclusivos da plataforma como o Xbox One Pass, a retrocompatibilidade e títulos que só podem ser curtidos em consoles Xbox One (não levando PCs em conta because Steam, GOG.com e etc.) como Cuphead, que está em destaque no estande da Microsoft.

ps4-pro-psvr

Enquanto isso, no lustre do castelo na Sony…

A Sony Brasil foi um pouco mais evasiva quanto a seus próximos lançamentos em hardware no país, no caso o PS4 Pro e o PlayStation VR. Originalmente a divisão nacional PlayStation afirmou, durante a E3 2017 que ambos chegariam em dezembro, o que permanece verdadeiro para o head-mounted display da companhia japonesa.

No entanto o discurso acerca da versão mais poderosa do console da Sony mudou um pouquinho: segundo o gerente da Sony para o Brasil Carlos Paschoal, o PS4 Pro possui uma nova data limite de chegada para o fim do ano fiscal de 2017, que se dará em 31 de março de 2018. O executivo confirmou que tanto um quanto o outro contarão com preços subsidiados, de modo a evitar um impacto negativo no consumidor (tradução: estão tentando evitar outro vexame como o PS4K) mas novamente não há informações de preços para nenhum dos dois dispositivos. Como ambos custam US$ 399 nos EUA e hoje o PS4 Slim é vendido pelo preço oficial de R$ 2.399,00, novamente não espere que eles cheguem por valores camaradas.

Paschoal adiantou que a Sony Brasil também promoverá uma campanha de marketing para divulgar o PlayStation VR, que será disponibilizado para testes aos consumidores em 100 lojas da rede varejista em todo o território nacional. A meta é instalá-las já em novembro, um mês antes do lançamento.

relacionados


Comentários