Meio Bit » Ciência » Starbucks disponibilizará carregadores sem-fio no país inteiro (não o nosso)

Starbucks disponibilizará carregadores sem-fio no país inteiro (não o nosso)

Carregador sem fio pra celular. Taí algo que a rigor ninguém precisa mas pode facilitar muito nossa vida. Só tem um porém: somente será útil se tiver em todo lugar, e a Starbucks está trabalhando pra isso. Vão oferecer o serviço em todas as lojas. Como? Não, as daqui não, claro.

6 anos atrás

starbuck_starbucks

Antigamente, muito antigamente as pessoas viajavam levando um troço pesado, incômodo e inútil 99% do tempo chamado cunhado conversor de voltagem tensão. Principalmente no interior nossos rádios, secadores de cabelo ventladores e TVs portáteis não funcionavam em 220 V e era comum equipamentos explodirem, em uma versão Maxwell da piada da formiguinha e do elefante. Hoje isso basicamente não existe.

Qualquer equipamento portátil decente e muita coisa Made in China é bivolt. No máximo levamos um adaptador de tomada.

Em algum momento entre esses dois tempos as pessoas tiveram que escolher entre não carregar peso e arriscar o equipamento não funcionar, ou carregar o conversor e perder o sentido ter comprado um equipamento bivolt.

Os carregadores sem-fio estão nesse meio-termo. São úteis? Com certeza, mas não são imprescindíveis. Pior, não são difundidos o suficiente, então não dá para confiar neles o bastante para deixar cabo e carregador em casa. UM DIA qualquer mesa pública e a maioria das privadas (mesas privadas, carregadores em vasos sanitários não são uma boa idéia) terá um circuito de carga sem fio, mas não agora.

Esse dia vai chegar, com certeza, e a Starbucks está investindo pesado. Depois de um projeto-piloto agora vão instalar pelo menos 10 pontos de carga sem fio em cada loja. Até o final de 2014 a Costa Oeste estará atendida. Em 2015 planejam instalar o serviço nas maiores cidades dos EUA.

Agora, o motivo pelo qual não podemos ter coisas legais: existem dois padrões competindo: o Qi, usado pela Samsung LG e Nokia, e o Powermat, suportado por um acessório da Duracell vendido pela Apple. Os dois estão em pé de igualdade, são incompatíveis e se seu telefone não tiver o padrão certo, você precisará comprar um breguete destes:

w575

A idéia em si continua excelente, minha crítica à tecnologia, de que é um desperdício pois a maior parte da energia se perde no processo foi só um surto de ecochato, joga mais um bebê-panda na termoelétrica e pronto. Na verdade isso poderia se estender a outros dispositivos. Fones Bluetooth, controles remotos, lanternas, barbeadores, brinquedos para casais cristãos (não clique) e muito mais.

Imagine: você joga as tralhas na gaveta e sabe que quando tirar dali estarão com 100% de carga.

Taí. Acho até que vale comprar um carregador desses na DX e começar a brincar, já que a Nokia não libera um pra testes mesmo…

Fonte: TV.

Leia mais sobre: , , , , , .

relacionados


Comentários