Meio Bit » Hardware » Loja brasileira "vaza" informações do Moto X+1 e Titan

Loja brasileira "vaza" informações do Moto X+1 e Titan

Loja de Rondônia usa de marmotagem, faz Ctrl+C/Ctrl+V de infos da internet (com erros) e sai na frente ao oferecer pré-venda do Moto X+1 e do Moto Titan

6 anos atrás

moto-x-1-evleaks

Estamos a uma semana do que pode vir a ser o lançamento de uma nova linha de dispositivos da Motorola, o primeiro grande rol de novidades desde seu desligamento do Google e sua aquisição pela Lenovo. Começaram a surgir diversas informações acerca do aparelho, apontando para um hardware levemente atualizado (mas não muito), e agora uma pequena loja brasileira "vaza" informações ao confirmar a pré-venda tanto do X+1 quando do Titan, o suposto sucessor do Moto G.

moto-x-1

A Livraria Logos, uma pequena loja situada em Porto Velho, Rondônia especializada em livros e CDs religiosos tinha tudo para ser a fonte mais improvável de novidades acerca dos novos aparelhos da Motorola, e para quem pega recado na curva vai notar que não há nada surpreendente aqui: a loja apenas pegou algumas informações soltas na net, copiou, colou e se prepara para antecipar a venda, além de especular um pouco. A frese de efeito vista acima, por exemplo, é a mesma do anúncio do Moto X.

Falando primeiro do carro chefe, as informações apresentadas do modelo XT1097 no site apontam para um SoC quad-core de 2,2 GHz, que condiz com o benchmark divulgado anteriormente: embora o clock não batesse, ele apontava para a presença do Snapdragon 800 da Qualcomm, o mais utilizado pelos fabricantes em 2013. O Moto X, ao contrário de seus concorrentes vinha com o S4 Pro, entretanto a excelência do design de harware permitiram que ele batesse de frente com Androids pesos-pesados como o Galaxy S4, o Xperia Z2, o LG G2 e o HTC One.

Outras especificações entretanto mostram divergências. O display de 5,2 polegadas seria HD e não Full HD como apresentado no benchmark, bem como a quantidade de RAM é maior (16 contra 8 GB) e câmera de 13 megapixels, ao invés de 12 MP como mencionado no benchmark. Fora isso, a única coisa que está 100% igual no benchmark e no anúncio é a óbvia presença do Android 4.4.4 KitKat, que seguirá a tendência dos dispositivos de 2013 ao vir quase puro.

O anúncio do Moto Titan, o modelo XT1069 também não é nada surpreendente. O SoC quad-core de 1,2 GHz também já havia aparecido em outro benchmark, dando a entender que se trata do Snapdragon 400. 1 GB de RAM, câmera de 8 MP, Android 4.4.4 KitKat, está tudo lá, sem novidade nenhuma. As diferenças se fazem presentes no armazenamento interno: o GFXBench apontou para um aparelho de provavelmente 8 GB de espaço, enquanto a Logos diz que ele contará com 16 GB, algo improvável para um aparelho de meio-termo. Além disso, a listagem original apontava para um suposto modelo Dual-SIM, algo que ao benchmark não mencionou.

moto-titan-dual

O Cardoso já apontou para os vazamentos arranjados, algo que o finado EVLeaks fazia. O ex-editor sênior do Engadget Evan Blass se valia de seus contatos privilegiados e soltava informações adiantadas, algumas vindas de dentro, outras releases controlados bem calculados. Em sua última postagem, Blass revelou um render do possível visual do Moto X+1 (a foto que abre o post; o perfil foi desativado devido a dificuldade de monetizá-lo, além do fato de Blass sofrer de esclerose múltipla; se quiser, você pode ajudá-lo via Indiegogo). Entretanto não é o que ocorre aqui: o que temos é um caso de marmotagem, em que a lojinha copiou infos da net, montou uma oferta e espera lucrar com desavisados. Afinal, quem em sã consciência vai encomendar um Moto X+1 em Rondônia?

A revelação oficial da nova linha da Motorola (que provavelmente incluirá o X+1, o Titan e o smartwatch Moto 360) será no dia 04/09, às 8:30 em São Paulo, e o MeioBit estará presente.

relacionados


Comentários