Meio Bit » Indústria » Xbox On: Aaron Paul está ligando acidentalmente videogames ao redor do mundo

Xbox On: Aaron Paul está ligando acidentalmente videogames ao redor do mundo

Em propaganda da Microsoft, ator de Breaking Bad diz alguns comandos para seu Xbox One, mas consoles dos telespectadores também estão processando e executando as informações. Isso é bom ou ruim para a imagem do videogame?

13/06/2014 às 13:57

aaron-paul-plays-titanfall-670

A gente comentou há um tempo aqui no Meio Bit que o Kinect não é mais um item obrigatório na compra do novo videogame da Microsoft. Sábia decisão.

Ainda assim, bastante gente comprou o bundle com a câmera, por achar mais vantajoso. Legal, afinal essa ferramenta permite que você controle o Xbox com comandos de voz. É o futuro, minha gente.

Só que tem uma galera ao redor do mundo reclamando que Aaron Paul, o Jesse Pinkman de Breaking Bad, está ligando seus videogames sem permissão.

Mas como assim? É que a Microsoft lançou um comercial estrelado pelo ator e neste anúncio ele tem falas como "Xbox On!" e "Xbox, go to Titanfall".

Estes comandos estão sendo processados pelo Kinect, que passou a ligar o videogame, gravar parte de algum jogo ou até mesmo iniciar Titanfall em algumas residências.

Veja o vídeo:

E as reações de algumas pessoas no Twitter:

https://twitter.com/stephenlucey/statuses/477175071425851392

E a trollada poderia ser pior, como no caso do jogador que assumiu o nickname de "Xbox Sign out":

Bom, a peça publicitária da Microsoft está gerando bastante discussão sobre a funcionalidade do comando de voz. Pessoalmente, vejo uma repercussão positiva, já que o aparelho realmente é capaz de reconhecer, interpretar e executar os comandos.

Todavia, é muito chato ver seu videogame ligar sem sua autorização, gravar o que você está fazendo, iniciar um jogo, toda vez que um determinado comercial passar na TV.

Para os que estão irritados com a situação, só tenho uma coisa a dizer: "Yeah, b*tch! Xbox!"

Fontes: DailyDot e GameSquad.

relacionados


Comentários