Meio Bit » Games » Levine foi o responsável pelo cancelamento do filme sobre BioShock

Levine foi o responsável pelo cancelamento do filme sobre BioShock

Após várias mudanças, Ken Levine revela que foi ele quem decidiu cancelar adpatção do BioShock para o cinema.

7 anos e meio atrás

bioshock-13.03.13

Talvez nós nunca saibamos se uma adaptação do BioShock para o cinema daria certo, já que o alto investimento acabou afastando os envolvidos e até o criador da franquia declarou que era melhor não fazê-lo. O que não imaginávamos era que no meio de toda a confusão que cercou o projeto, quem deu a última palavra foi o próprio Ken Levine.

Durante uma entrevista o game designer disse acreditar que o primeiro diretor, Gore Verbinski, tinha a intenção de criar um filme com muita violência e que consequentemente seria voltado para um público acima dos 17 anos. Porém, como a adaptação do Watchmen não conseguiu ter um bom desempenho comercial, o estúdio não se sentiu confortável em investir 200 milhões de dólares em outro filme com tal classificação etária e sugeriu uma produção de 80 milhões, algo que o também diretor da série Piratas do Caribe não aceitou.

Levine disse então que a escolha de Juan Carlos Fresnadillo para a direção acabou mostrando que ele não combinava com o filme e como ”a 2K é uma daqueles companhias que depositam muita confiança criativa nas pessoas,” lhes perguntaram se ele gostaria de matar o projeto. Pois foi esta a decisão que tomou.

Pode até parecer estranho algo deste porte ser cancelado por apenas uma pessoa, mas temos que levar em consideração que Ken Levine é alguém com uma certa experiência em Hollywood, onde trabalhou como roteirista antes de entrar para a Irrational Games e como ele falou, pode ser que o filme sobre o BioShock seja feito um dia, mas isso dependerá deles encontrarem as pessoas certas, já que não gostaria de ver a sua criação sendo representada da maneira errada e quem dirá que isso não é um pedido justo?

[via Edge]

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários