Meio Bit » Games » Dead Space, Gears of War, enredo e jogabilidade

Dead Space, Gears of War, enredo e jogabilidade

24/04/2012 às 9:30

dori_dead_24.04.12

Semana passada o mundo dos games viu mais um daqueles casos em que o funcionário de uma empresa criticou o trabalhou de outra e uma grande polêmica surgiu na internet. Tudo começou porque Chuck Beaver, diretor de história da série Dead Space, bateu duramente no enredo do Gears of War, dizendo que a franquia “contêm violações absurdas e ofensivas aos princípios da narrativa” e que o jogo da Epic possui literalmente o pior enredo dos games. Beaver também declarou que ainda assim isso não parece arruinar a experiência para muitas pessoas.

Os comentários haviam sido feitos em uma seção de perguntas e respostas publicada em um blog da EA, que diante de tamanha repercussão teve uma atitude covarde e decidiu apagá-lo e agora o sujeito tentou se explicar, afirmando que aquilo que ele disse estava fora do contexto e declarou-se um grande fã da franquia Gears of War, rasgando vários elogios a ela na sequência e inclusive dizendo que a indústria é muito melhor por causa do trabalho realizado pelos profissionais da Epic Games, que inspira muitas pessoas.

É claro que esta foi a forma encontrada por Beaver de se desculpar, mesmo porque é difícil acreditar que existe alguma maneira de “pior enredo dos games” e “violações absurdas e ofensivas aos princípios da narrativa” estarem fora do contexto e acho que embora possa ser um tanto antiético tornar isso público, ele tem todo o direito de não gostar do enredo de outra produção, assim como nós jogadores.

O mais interessante nesse imbróglio todo talvez seja a volta do debate sobre a importância de um bom enredo nos games, afinal, em títulos como Dead Space ou Gears of War é necessário termos uma história bem escrita para que sejam divertidos ou uma boa jogabilidade é suficiente para nos fazer esquecer roteiros inconsistentes?

[via IGN]

relacionados


Comentários