Meio Bit » Games » Para obter sucesso, desenvolvedores independentes escolhem o Steam ao invés da Xbox Live

Para obter sucesso, desenvolvedores independentes escolhem o Steam ao invés da Xbox Live

09/12/2011 às 10:19

Reforçando as palavras de Robert Boyd - criador de Breath of Death VII e Cthulhu Saves the World - , que alguns meses atrás afirmou que a Xbox Live é uma péssima forma de ganhar a vida, Edmund McMillen - Cofundador da desenvolvedora de jogos Team Meat e responsável pelos esplêndidos The Binding of Isaac e Super Meat Boy -, concordou que ao trabalhar tanto com o Steam quanto com a Xbox Live, a primeira alternativa é, de fato, a plataforma dominante para os jogos independentes.

É muito fácil de usar, é grátis, tem mais jogos do que qualquer outra distribuidora e eles são extremamente amigáveis com as desenvolvedoras independentes. Não há realmente nenhuma competição por lá, disse McMillen."

Robert Boyd ainda disse que uma das principais falhas da Microsoft é o seu sistema de aprovação rigidamente controlado.

"Se isso resultasse em uma biblioteca de jogos de maior qualidade, seria bom, mas não é ", disse Boyd. "Embora haja geralmente apenas um a três jogos novos lançados a cada semana na Xbox Live Arcade, não posso dizer que a qualidade é mais alta do que a média semanal no Steam (que tende a lançar jogos com mais freqüência). Na verdade, alguns dos lançamentos XBLA são péssimos. "

Do outro lado do ringue está Pete Isensee,  gerente de programas do Xbox Advanced Technologies Group da Microsoft, que resolveu jogar a culpa, ou pelo menos parte dela, nos desenvolvedores independentes.

"Assim como qualquer outro estúdio que faz jogos para o Xbox, os desenvolvedores independentes devem colocar esforços de marketing em seus jogos para que eles sejam bem sucedidos", disse Isensee.

É fácil culpar a grama quando não se tem resposta convincente para a infertilidade do seu jardim. Porém, números falam mais alto do que gritos, e os números de vendas tanto para Boyd quanto para McMillen estão provando que, comercialmente, o Steam é uma plataforma bem mais viável do que a plataforma da Microsoft.

[via VentureBeat]

relacionados


Comentários