Meio Bit » Baú » Demais assuntos » Sony cria divisão para conquistar estúdios externos

Sony cria divisão para conquistar estúdios externos

Sony anuncia a Third Party Productions, divisão que ficará responsável por trazer novas franquias e conteúdos adicionais exclusivos para as suas plataformas.

02/09/2013 às 11:30

borderlands-2

Eu sempre acreditei na ideia de que o grande diferencial de um console são os jogos exclusivos que ele recebe, mas como você deve ter reparado, nos últimos anos eles tem se tornado cada vez mais raros, muito devido aos altos custos de produção. Então, o que fazer para continuar chamando a atenção dos consumidores? Pois a resposta pode estar na exclusividade de conteúdos adicionais.

De olho nesta estratégia, a Sony anunciou a criação da Third Party Productions, uma área da empresa que ficará encarregada de trabalhar com estúdios externos para trazer não só DLCs exclusivos para as plataformas da companhia, mas também novas propriedades intelectuais. Já do lado das desenvolvedoras, de acordo com o diretor do programa, Gio Corsi, elas poderão se beneficiar da iniciativa ao receber apoio da Sony e assim garantir a qualidade e a consistência em seus projetos.

Até o momento 21 empresas estão confirmadas na parceria e um dos principais exemplos de como isso poderá melhorar a oferta de games para os aparelhos da família PlayStation é o Borderlands 2, que está sendo adaptado para o Vita, mas também foi dito que títulos como o Diablo III, The Elder Scrolls Online, Assassin’s Creed IV e Destiny receberão conteúdos que só estarão disponíveis para quem os jogar nos consoles da Sony.

É claro que me sinto frustrados ao saber que um determinado extra para um jogo só está presente na plataforma diferente do que o comprei, mas acho interessante essa tentativa de conquistar o jogador e durante esta geração já vimos vários games que no PlayStation 3 tiveram conteúdos que não apareceram no PC ou no Xbox 360.

Eu sinceramente tenho dúvidas se alguém opta por um console apenas por causa desses presentinhos, mas no caso de termos a possibilidade de jogá-lo em mais de uma plataforma, não há dúvidas de que o melhor é investir na versão que nos traz mais conteúdo e neste ponto a fabricante japonesa tem se saído muito bem.

Fonte: PlayStation Blog.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários