Meio Bit » Baú » Indústria » Hugo Barra está deixando o Google [atualizado]

Hugo Barra está deixando o Google [atualizado]

Hugo Barra está trocando o Google pela empresa chinesa Xiaomi, um dos fabricantes de celulares que mais crescem na China. O executivo estava na gigante das buscas desde 2008.

28/08/2013 às 22:54

Hugo Barra, VP de Android

Hugo Barra, no evento que anunciou o lançamento do Nexus 4 no Brasil.

Um dos maiores executivos do Google e o nome de peso da divisão Android, o brasileiro Hugo Barra está deixando a empresa. De acordo com uma reportagem publicada no final da noite desta quarta-feira pelo AllThingsD, Barra deixará o cargo de vice-presidente de gerenciamento de produto da gigante das buscas para assumir um cargo ainda não divulgado na fabricante de celulares chinesa Xiaomi, conhecida pelos dispositivos high-end (confira nosso review do MI-2S) e pelas customizações que faz no sistema operacional do Google.

No Google desde a aquisição da empresa Nuance, Barra foi, juntamente com Andy Rubin (o pai do Android), um dos responsáveis por tornar o Android o sistema operacional móvel mais utilizado no mundo e um dos principais produtos do Google. Rubin deixou a divisão Android para assumir “um novo papel” não especificado na empresa em março deste ano.

MOMENTO EGO:

A saída da empresa se deu no mesmo dia em que surgiu a notícia de que Sergey Brin, co-fundador do Google, está separado de sua esposa há alguns meses. Coincidentemente, Brin está namorando uma outra funcionária da empresa que era justamente a companheira de Barra. No entanto, o pedido de demissão já teria sido apresentado antes mesmo que todo esse rolo sentimental tivesse início.

Procurado pelo AllThingsD, o Google se pronunciou: “Queremos o melhor para o Hugo Barra. Sentiremos a falta dele no Google e estamos empolgados com o fato de ele continuar dentro do ecossistema Android”.

Atualização

Em seu perfil no Google+, Hugo Barra confirmou a sua saída com a seguinte nota (tradução livre):

Depois de quase cinco anos e meio no Google e quase três anos como membro da equipe do Android - o grupo mais surpreendente de pessoas que eu já trabalhei na minha vida - eu decidi começar um novo capítulo na carreira.

Em poucas semanas, eu vou me juntar ao time Xiaomi na China para ajudá-los a expandir sua carteira de produtos e negócios a nível mundial - como vice-presidente Global da Xiaomi. Eu estou realmente ansioso para este novo desafio, e estou particularmente animado com a oportunidade de continuar a ajudar a conduzir o ecossistema Android.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários