Meio Bit » Arquivos » Mobile » Governo sul-coreano vai obrigar fabricantes a incluírem sistema de autodestruição em smartphones

Governo sul-coreano vai obrigar fabricantes a incluírem sistema de autodestruição em smartphones

Governo sul-coreano vai obrigar fabricantes locais a inserir sistema de autodestruição em smartphones, para combater o crescente número de roubos

28/08/2013 às 12:30

self-destruct

Tanto aqui como em qualquer parte do mundo, roubo de smartphones e tablets são um problema constante, e existem diversas alternativas para aumentar a segurança e evitar que os dados sejam acessados ou compartilhados. Entretanto as fabricantes não tem pensado muito em o que fazer com o hardware subtraído, mas se depender do Ministério de Cieência e Tecnologia da Coreia do Sul, a partir de 2014 as empresas locais serão obrigadas a resolver isso.

O governo aprovou uma lei na última semana que obrigará todos os fabricantes locais a inserir um "botão do pânico virtual" nos smartphones. Ela entra em vigor em 2014 e a ideia é inserir no código dos smartphones um recurso chamado "kill switch", que em teoria bloqueia o software de forma que o aparelho não poderá sequer ser formatado. Em suma, o smartphone vira um peso de papel, basta o usuário registrar seu dispsitivo e num caso de roubo, acionar o "kill switch" via PC.

O governo tomou essa medida devido o aumento do número de roubos de smartphones no país, e como os dispositivos reportados como furtados são desativados, 100% deles são despachados para fora. A ideia é exterminar o comércio ilegal de aparelhos que se alimentam desses aparelhos.

O Ministério já está em negociações com Samsung e LG, e a ideia é que a partir do segundo semestre de 2014 todos os aparelhos do país possuam o recurso. A empresa local Pantech foi a primeira a inserir o recurso em um dos seus celulares, no caso o Vega No. 6.

Fonte: WSJ.

relacionados


Comentários