Meio Bit » Baú » Games » Relembrando: Strider

Relembrando: Strider

24/04/2008 às 11:41

Estamos de volta com a seção Relembrando e nesta semana vou falar sobre um ícone dos games que surgiu no final da década de 80, o ninja Strider Hiryu. Criado pela Capcom antes mesmo do Street Fighter II, o jogo Strider apareceu nos fliperamas em 1989, mas seu sucesso no Brasil foi alcançado com a versão para o Mega Drive.

Strider era um jogo de aventura típico da época mas que impressionava pelas animações e jogabilidade absurdas para época. Quem o jogou sabe o quão difícil era o game e deve ter passado muita raiva tentando chegar ao seu final.

Os Striders eram um grupo de elite anti-terroristas altamente treinados e Hiryu se tratava do mais habilidoso. O personagem carrega consigo um sabre de plasma e conta com a ajuda de alguns robôs para derrotar a organização do vilão Grandmaster Meio. A história se passa em um futuro próximo onde vemos o planeta Terra habitado por vários seres robóticos.

O game foi inspirado em um mangá de mesmo nome publicado um ano antes do lançamento da versão para fliperamas e que teve a colaboração da Capcom em seu desenvolvimento. O jogo teve ainda versões para várias plataformas, entre elas: Amiga, Amstrad CPC, Atari ST, Commodore 64, ZX Spectrum, PC Engine e Master System.

Em 2000 a Capcom lançou a sequência da aventura de Strider Hyriu para o Playstation 1. Infelizmente o jogo não fez tanto sucesso, mas se tratava de um bom jogo. O personagem fez ainda algumas aparições em outros jogos, sendo o principal dele o Marvel vs. Capcom: Clash of Super Heroes, onde era possível controlar o ninja. O interessante é que este jogo possui a representação gráfica do personagem mais parecida com a original do mangá.

relacionados


Comentários