Meio Bit » Baú » Games » A Serra Pelada da Era Digital

A Serra Pelada da Era Digital

07/03/2008 às 16:37

Dois fatores principais foram determinantes à evolução do ser humano como espécie: 1) o fato de ser dotado de um polegar opositor e 2) a possibilidade de caminhar ereto. Como resultado disso temos a espécie com a mais eficiente capacidade de adaptação ao meio de toda a história do planeta, que lhe permite efetivamente tirar proveito de qualquer situação. Do homem primitivo que buscava locais de caça ao homem moderno que sonega seu imposto de renda a diferença é pouca: convenhamos, tirar proveito é o que nós seres humanos fazemos melhor.

Considerações antropológicas à parte, é curioso o fato do homem conseguir tirar vantagem em tudo, principalmente quando o assunto é o lazer. Já não é de hoje que nos RPGs online existe a prática do gold farming. Pra quem não conhece, seria algo como jogadores que passam o dia obtendo bens in game a fim de negociá-los por dinheiro real, atividade que começou pequena mas hoje alimenta um mercado vasto.

Em 2005 estimou-se que mais de cem mil jogadores chineses fossem empregados como gold farmers, passando de 12 a 18 horas diárias "trabalhando" com seus personagens em seus respectivos mundos virtuais, dessa forma garantindo seu sustento no mundo real. Na prática seria a terceirização ilegal do trabalho, uma forma deturpada do offshoring. Bizarro, mas verdadeiro. A atividade não só é ilegal como, se considerarmos que muitos dos "trabalhadores" são possivelmente crianças, chega a ser criminosa.

Fazia um bom tempo que eu não ouvia falar do assunto, e em minha inocência até pensei que tivesse saído de moda. Mas ontem, jogando meu querido World of Warcraft, me deparo com um camarada anunciando abertamente a contratação de jogadores como farmers, inclusive fornecendo um email para contato e tudo o mais. Não demorou para que o mesmo sumisse (ou fosse removido) do servidor, mas creio que isso não resolve o problema, ainda mais com a existência das contas trial.

Conversei com alguns colegas de jogo sobre o assunto, e as opiniões são variadas: alguns acham errado, outros consideram um emprego como outro qualquer, e um privadamente me disse que já trabalhou como farmer durante um tempo até que a mãe descobrisse e ameaçasse cancelar a conta do jogo.

A pergunta fatídica: o que você pensa disso?

[foto oGlobo.com]

relacionados


Comentários