Meio Bit » Baú » Games » Metal Gear Solid 4 está usando a capacidade máxima do Blue-Ray

Metal Gear Solid 4 está usando a capacidade máxima do Blue-Ray

02/03/2008 às 12:44

Uma coisa que dá pra perceber com a evolução dos games é que os mesmos estão ficando maiores. Tanto no sentido de número de horas (Final Fantasy XII e GTA IV podem ter mais de 100 horas de jogo), quanto no sentido de espaço necessário na mídia. Antigamente os desenvolvedores faziam milagre para colocar um jogo em poucos megabytes. Aí chega a Sony, coloca o CD como mídia e todos ficam felizes por algum tempo. Aí chega a Square e coloca 3 CDs em Final Fantasy VII, 4 CDs no VIII, e até o Metal Gear Solid tem 2 discos.

Beleza: depois chega o Playstation 2 e o Xbox e temos o DVD. Ótimo, temos o equivalente a 6-7 CDs numa única mídia. Aí Final Fantasy X e o XII tem apenas um único disco. Existem exceções, como por exemplo o Onimusha - Dawn of Dreams e o Grandia 3, com dois DVDs de jogo.

Então chega os consoles desta geração, onde apenas o Playstation 3 possui como padrão o Blue-Ray, que é de tamanho equivalente a alguns HDs de alguns anos atrás: 25 GB de 1 camada, 50 GB de duas, fora as pesquisas para ter um disco com 200 GB de espaço. Aì todo mundo pode achar: ótimo, duvido que alguém vai conseguir chegar a usar todo este espaço monstruoso...

OK, chega então Heavenly Sword e me surpreendo de que eles usam 10 GB só de áudio. Resistance tem mais lixo no disco do que de arquivo útil. Mas esta semana um post do Continue me surpreendeu, onde Metal Gear Solid 4 está usando a capacidade máxima do Blue-Ray básico: 50 GB.

50 GB é muita coisa. Eu não sei como que eles conseguiram essa façanha, mas chuto algumas coisas: muito áudio (e com isso o jogo não será bilíngue), ou, como diz um dos comentários do post do Continue: arquivos de texturas e outros recursos podem estar muito grandes. Pelos vídeos dá para ver que a evolução gráfica é gritante, e Metal Gear Solid pode ser o game com os melhores gráficos do Playstation 3, e conseqüentemente um dos melhores de toda a indústria. E este game pode também ser longo, apesar da Konami não ter dito nada a respeito. No trailer mostrando a jogabilidade, quem reparar no cenário vê que são muitos detalhes, além de parecerem que estão no mesmo local de cenário. Não sei se eles vão usar a tecnologia streaming de games como Need For Speed e ficar carregando o cenário aos poucos. Fora possíveis mini-games e outros recursos, como Making-Of e outras informações, mas isto é só especulação.

Ainda por cima, uma tradução de um site japonês postado no N4G cita uma frase do próprio Hideo Kojima (criado do jogo), onde 50 GB não é suficiente pro jogo. Putz...

Pode ser por isso que a Konami nunca soltou um demo do jogo. Se o Metal Gear Solid promete um nível de jogo maior, pode ser que o Snake possa andar para outras partes do cenário e "sair dos limites do demo" (e isso é um atestado de incompetência. Qualquer desenvolvedor saberia limitar o demo), ou mesmo o demo pode ter ficado tão grande que a empresa desistiu de divulgar, o que poderia ser o demo mais baixado da história do console. Como o Rafael já disse uma vez: baixar x GB mesmo numa conexão de banda larga é um suplício. E a gente pode nunca saber porquê a Konami nunca quis divulgar um demo (ou não).

Por fim, fico com medo de outros games chegarem nesta capacidade ou mesmo superar, como o Final Fantasy XIII. Se a Square sempre promete um game realmente longo, a possibilidade dela chegar a usar toda a capacidade do Blue-Ray é grande. Mas também é o mais provável de acontecer: com games chegando a ter 100% de dublagem, jogos bem longos e com recursos gráficos incríveis e que tem muitos MBs, daqui a pouco teremos games realmente enormes. Haja espaço!

[Via UOL Jogos (imagens) 1 e 2]

relacionados


Comentários