Meio Bit » Baú » Games » Infinite Undiscovery e The Last Remnant

Infinite Undiscovery e The Last Remnant

25/02/2008 às 10:05

A maioria dos jogadores está sempre esperando que saia novas informações de Final Fantasy XIII, que virou o game mais hypeado da Square-Enix. Então, ao cair numa página qualquer com uma foto de um dos games citados neste post, voltou à minha memória que este ano vai sair dois novos games que podem deixar os jogadores ocupados, esperando o novo jogo da série sair. E que também não estão tendo muitas informações da produtora, que nunca solta nada relacionado.

O primeiro deles é The Last Remnant, jogo que será tanto para o Playstation 3 quanto para o Xbox 360, e usará a caríssima e impressionante Unreal Engine 3. Nele terá dois protagonistas, um que vai agradar os japoneses e outro que vai tentar agradar os ocidentais. Para alguns detalhes do enredo, visite este preview do UOL Jogos.

O trailer é impressionante, mas mostra pouca coisa, e pende mais para o protagonista oriental. Pelo que dá para ver, acredito que o sistema de batalhas será relacionado com a quantidade de inimigos presente na tela, e o UOL Jogos afirmou no preview acima que terá sistemas de turnos, apesar de que é difícil ver isso no trailer (abaixo). Na parte de cima da tela de batalha, existe uma barra similar àquelas brincadeiras de cabo de guerra, e pode ser necessário o jogador acabar com os inimigos rapidamente para fazer a batalha pender para o lado do jogador e de seus aliados (só vendo o trailer para entender). Mas, como em Final Fantasy XIII, ainda teremos que esperar sair informações de como que vai funcionar o sistema de batalhas do jogo.

Algumas imagens:

Para mais imagens, visite as galerias do UOL Jogos e do Finallboss.

Vídeo:

Já o segundo não é da produtora (é da Tri-Ace, de Star Ocean), mas ela que vai distribuir. Trata-se de Infinite Undiscovery, outro RPG que está indo para o caminho das batalhas cheias de ação, e este é exclusivo para o Xbox 360. Para alguns detalhes do enredo, visite esta notícia do Finalboss.

Algumas imagens:

Veja mais imagens nas galerias do UOL Jogos e do Finalboss.

Vídeo:

O que dá para perceber nestes dois games e no próximo Final Fantasy é que as batalhas estão sendo mais dinâmicas. Os sistemas de turnos e barras de tempo estão sendo deixados para trás (não tanto em The Last Remnant, se confirmado): aqui é ação pura nas batalhas, e isso a gente quer nos RPGs: que tenham história e ação na medida certa, para agradar os jogadores. Se os gamers preferem os sistemas antigos, não posso fazer nada, mas com esta nova geração dos consoles será possível vermos coisas que eram difíceis de ver em gerações passadas. E vindo da Square-Enix e da Tri-Ace, pode-se esperar no mínimo jogos razoáveis e quem sabe RPGs excelentes das produtoras.

relacionados


Comentários