Meio Bit » Baú » Software » Final feliz para os Jedis donos de iPhone

Final feliz para os Jedis donos de iPhone

12/09/2008 às 13:23

Uma das aplicações mais populares do iPhone era o PhoneSaber, um programinha que usava o acelerômetro para simular um... sabre de luz. Dava para brincar de Jedi, movendo o telefone com os sons acompanhando.

A brincadeira acabou quando a LucasArts lembrou que é proprietária de tudo que se refere a Guerra nas Estrelas, e que o sujeito estava violando seus direitos autorais, mesmo não cobrando nada pelo programa.

Claro, essa é a visão normal. Só que o pessoal do George Lucas é MUITO liberal com material de fãs, a hospedagem dos fanfilms no site "oficial", www.theforce.net por exemplo é paga pelas Empresas de George Lucas, que só pede em troca que respeitem algumas regras, como não fazer filmes violentos demais, manter a temática "família", etc.

Agora foi explicada a remoção do programa. Eles achavam que poderia ser bem melhor. Contactaram os criadores e fizeram uma proposta indecente, que começou com a saída do PhoneSaber da App Store.

Na proposta, devidamente aceita o PhoneSaber voltará em breve com o nome Lightsaber Unleashed, com profundas ligações com o jogo Star Wars ®: The Force Unleashed™. Virá com gráficos melhores, efeitos sonoros ORIGINAIS direto do arquivo de sons da LucasFilm e música (também original).

phonesabercharacters-209x300 phonesaberdarthvader-208x300

Seria muito bom se essa mentalidade se espalhasse, mas a maioria das empresas é MUITO chata com fãs. A Marvel Comics já tentou impedir a exibição de fanfilms até em convenções, e uma ação clássica da Paramount tentou fazer com que todos os sites de fãs de Jornada nas Estrelas removessem imagens e logos relacionados com a série. Atitude não muito inteligente, que deixou a maioria dos fãs um tanto... pês da vida.

Para os usuários de Mac, temos o programa original, o MacSaber. É um dos essenciais para impressionar amigos, mas a garantia da Apple não cobre "duelos de sabre de luz", então segure firme com as duas mãos seu Macbook. Lembre-se, quem tem Conde Dooku, tem medo.

Fonte: CrunchGear

relacionados


Comentários