Meio Bit » Baú » Mobile » Primeiro Smartphone desenvolvido no Brasil? Acho que não...

Primeiro Smartphone desenvolvido no Brasil? Acho que não...

31/07/2008 às 20:44

Vi o anúncio de um smartphone da Elef e fiquei curioso porque nunca tinha ouvido falar desta marca. Decidi entrar no site para procurar mais informações.

Fiquei surpreso com a afirmação de que o Blackhole é "A primeira ferramenta corporativa desenvolvida no Brasil", porque eu tinha certeza que conhecia o aparelho de algum lugar...

Depois de alguma busca, achei o i-mate JAQ3, que é exatamente igual ao Blackhole, em design, especificações e até nos detalhes, como o botão liga-desliga. São parecidos demais para o Blackhole ser um clone do i-mate, então fica evidente que os dois foram desenvolvidos pela mesma empresa. (Acredito que seja a chinesa TechFaith Wireless).

Não que seja errado terceirizar o desenvolvimento de um projeto, mesmo empresas conhecidas fazem isso - o XPERIA X1 da Sony Ericsson, por exemplo, está sendo desenvolvido pela HTC - mas mentir e dizer que o aparelho foi desenvolvido no Brasil definitivamente não é correto. Pode parecer besteira, mas conheço gente que compraria o Elef só porque ele é nacional...

Quanto ao aparelho, a única coisa que me chamou a atenção (fora a fabricante), foi o preço. R$ 1699 por um aparelho com CPU de 200Mhz e sem 3G ou GPS é bem caro. Por menos, dá para encontrar aparelhos iguais ou melhores, como o HTC S621 e o Samsung i617.

Se o Blackhole estivesse abaixo da faixa de R$1000 (em que a maioria dos smartphones está), seria um bem interessante. Mas do jeito que está deve, ficar encalhado...

relacionados


Comentários