Meio Bit » Baú » Segurança » Administrador mantém computadores de São Francisco como Reféns

Administrador mantém computadores de São Francisco como Reféns

17/07/2008 às 11:24

Um sistema de computadores de vários milhões de dólares, que guardava e processava 60% dos dados da cidade de São Francisco está nas mãos de um ex-administrador de sistemas da Prefeitura, que apagou todas as contas de admin e se recusa a revelar a senha.

Terry Childs era um bom funcionário, com um salário respeitável de US$150.000 / ano, mas de uns tempos pra cá segundo seus colegas se tornou descontrolado e um tanto maníaco.

Ele reagiu à entrada de uma nova chefe de segurança, que iniciou uma auditoria dos sistemas fotografando incessantemente a funcionária. Depois instalou spywares nos computadores da chefia, para acompanhar o que falavam dele.

Em um último gesto ele apagou os administradores dos roteadores principais, só deixando a própria conta, e como não podem usar os Métodos Jack Bauer de Estímulo ao Fornecimento de Informações, ele não dá a senha.

A rede ainda funciona bem, mas caso precisem de manutenção, não terão como prover.

A Cisco foi chamada, mas se não consegior recuperar as senhas, terão que trocar os equipamentos, a um custo estimado de US$250 mil.

Terry está preso, sua fiança é de US$5 milhões e ele pode pegar até 7 anos de cadeia. Como os computadores em questão cuidam até da folha de pagamento da cidade, acho que já deve ter gente "convencendo-o" a falar.

Eu já vi isso no Brasil. Uma empresa era OBRIGADA a contratar um sujeito para dar manutenção na rede Novell, pois só ele tinha a senha de admin e se recusava a passar para a empresa. Em outra a empresa demitiu o único sujeito que sabia mexer em Linux, e havia migrado a firma inteira; depois ligou pedindo suporte. Ele cobrou o que podia e o que não podia. Mas nesse último caso não considero nem ilegal nem imoral, muito pelo contrário.

Fonte: Yahoo! Tech

relacionados


Comentários