Meio Bit » Arquivos » Miscelâneas » Demissão: quero sair, mas não sei quem é o gerente.

Demissão: quero sair, mas não sei quem é o gerente.

09/07/2008 às 16:40

Dentro de empresas de TI acontecem muitas coisas absurdas. Pessoas em cargo de arquiteto de sistemas com menos conhecimento que um estagiário, por exemplo. Pessoas com formação em Administração/Economia gerenciando equipes de desenvolvimento de software. A área está tão carente de profissionais que tornou-se um mercado para oportunistas. As consultorias sabem disso e aplicam vestibulinhos nos candidatos, mas isso é caso para outro post.

Há alguns meses, um colega que trabalhava numa empresa grande de tecnologia, pinhada de certificações como ISO, CMMI 5, MPS.BR A e algumas outras, contou a seguinte história: "Acredita que eu não consigo me demitir? Tem dois dias que estou tentando."

Acontece que a empresa, apesar das várias certificações penduradas na parede, não aplica isso no seu dia a dia. O profissional foi alocado de um projeto para outro, houve troca de gerência 3 vezes, mas ninguém avisou. Ele liga para o RH e informam que o processo de demissão deve ser iniciado pelo funcionário comunicando o gerente. Esse por sua vez deve avisar o RH. A questão é que os dois nomes apontados como gerentes do projeto onde ele estava alocado, nem sabiam da existência do mesmo. Projeto fantasma?

No terceiro dia, ele finalmente achou o gerente, que nunca tinha trocado sequer uma palavra ou e-mail: "Como vou aceitar a sua demissão, se não fui avisado que você é um recurso sob minha gerência? Mas já que você precisa de uma assinatura, então vai a minha mesmo. Mas olha isso direito, porque é capaz de você continuar contratado e depois ser acusado de abandono de emprego."

Esse caso aconteceu de verdade, em Outubro de 2007. Parece história da tirinha do Dilbert, mas aconteceu mesmo.

Fonte: Bicalho´s Memory About F|_|ck3d Companies

relacionados


Comentários