Meio Bit » Baú » Indústria » Japão vai banir usuários de P2P - Depois reclamam de Godzilla

Japão vai banir usuários de P2P - Depois reclamam de Godzilla

25/03/2008 às 15:13

Fica difícil ser solidário. Sinceramente? Da próxima vez que Gojira, Gamera ou Mothra atacarem o Japão, vou dizer bem-feito.

Vejam esta notícia do Geek.com.br: "provedores japoneses banirão usuários piratas". Como assim, Bial? Quais piratas, piratas do ponto de vista de quem?

Aparentemente as gravadoras e estúdios de cinema (leia-se SONY, entre outras) pressionaram os provedores, e os quatro principais grupos de provedores do país aceitaram BANIR usuários que baixarem conteúdo "ilegal". Os grupos englobam mais de 1000 empresas de acesso, e o procedimento envolve monitorar as conexões, enviar avisos, DERRUBAR conexão e eventualmente banimento.

Bem-feito.

O pior é que esse tipo de atitude, se não combatida legalmente, acertando onde dói mais, no bolso, tende a ser replicada. Os gênios das gravadoras e estúdios acham que assim vão preservar seu reinado por mais algum tempo, e brasileiro adora copiar idéia idiota criada no exterior. Isso pode ser a próxima medida tomada, depois do traffic shapping, tão negado pelos provedores como confirmado pelos usuários, ou a mania agora de provedores oferecerem acesso ilimitado e depois limitarem a banda de quem tenta baixar mais do que o "ilimitado" permite, como descrito neste post do BR-Linux.

Tentáculos à parte, o Japão tem que tomar uma atitude, enquanto Nação. Segundo o mesmo artigo do geek.com.br, em 2006 um provedor tentou uma idiotice dessas, e ganhou um chega-pra-lá do Governo. Vejamos agora.

Notícia enviada pelo falecido PG Muller.

relacionados


Comentários