Meio Bit » Arquivos » Ciência » NASA detalha planos para futura exploração de Europa, o satélite congelado de Júpiter

NASA detalha planos para futura exploração de Europa, o satélite congelado de Júpiter

NASA traça planos detalhados para o processo de exploração de Europa, definido como prioridade pela agência

08/08/2013 às 10:21

Concepção artística mostra Júpiter visto da superfície de Europa

Europa é uma das luas um dos satélites naturais de Júpiter assim como Io, que deu as caras por aqui recentemente. Mas se por um lado seu irmão é um inferno sulfuroso com intensa atividade vulcânica, ele é exatamente o contrário: um satélite completamente congelado, cujas sondagens anteriores sugeriram a existência de um oceano debaixo de sua grossa camada de gelo, que os cientistas acreditam ser capaz de sustentar vida, ainda que na forma de micróbios e outras estruturas rudimentares.

A NASA definiu em abril último que a pesquisa do satélite é prioridade na agência, e agora divulgou um artigo detalhando os procedimentos que deverão ser seguidos em futuras missões, assim como os instrumentos necessários para realizar a coleta de dados em Europa. Uma boa notícia é que dada a experiência adquirida com a Curiosity, uma nova sonda dedicada ao satélite não será tão difícil de ser construída. O problema maior é que, como não se sabe muito sobre a geologia do satélite, o pouso será o ponto mais crítico da missão. Cogita-se pousar na área chamada Thera Macula, um terreno caótico com intensa atividade geológica (graças à gravidade exercida por Júpiter), onde há grandes indícios de encontrarem evidências interessantes.

Já os equipamentos necessários incluem um espectrômetros Raman e de massa (para determinar a composição química de Europa e encontrar evidências de vida), um magnetrômetro (para medir a salinidade da água) e uma pequena perfuratriz, capaz de penetrar na crosta de gelo até 10 cm. Como há a possibilidade de haver um ecossistema muito frágil, todos os instrumentos receberão atenção especial quanto à possibilidade de contaminação por elementos da Terra.

Infelizmente não há uma data determinada para o lançamento de uma missão, mas a sonda Juno, lançada em 2001 e que chegará a Júpiter em 2016 vai ajudar numa melhor sondagem de Europa, a fim de adiantar o projeto. O artigo completo da NASA você confere aqui.

Fonte: NASA.

relacionados


Comentários