Meio Bit » Baú » Games » E se o suposto Left 4 Dead 3 for um F2P?

E se o suposto Left 4 Dead 3 for um F2P?

Vários indícios apontam para o anúncio do Left 4 Dead 3 em breve e surge uma dúvida: E se o jogo adotar o modelo free-to-play?

30/07/2013 às 13:00

left-4-dead

Nos últimos dias começou a circular pela internet um rumor apontando para um possível anuncio do Left 4 Dead 3 e como era de se esperar, aquilo deixou em polvorosa todos os fãs da franquia da Valve. O primeiro e mais evidente indício de que o jogo estaria perto de ser revelado foi a descoberta de um site com o endereço l4d3.ru e ao acessá-lo vemos uma página com um contador que zerará daqui a 22 dias, exatamente na data marcada para o início da Gamecom, mas não foi só.

Algumas pessoas também ficaram intrigadas com um breve vídeo intitulado “Eu deveria?” e que foi publicado por Marc Laidlaw, designer da Valve e nele vemos o rapaz dentro de um elevador quando está prestes a escolher o terceiro andar, mas acaba apertando a letra L. Um detalhe: Este vídeo foi publicado no mesmo dia em que o supracitado site apareceu na web. Coincidência?

Porém, o que explicaria o site ter sido registrado com um domínio russo? Bom, alguns estão defendendo a teoria de que isso seria uam dica de que a série pela primeira vez deixará os Estados Unidos, mas estejam todas essas especulações corretas ou não, uma coisa passou pela minha cabeça assim que fiquei sabendo da possibilidade de um novo Left 4 Dead: E se o jogo for distribuído como um free-to-play?

Embora muitos jogadores não gostem desse modelo de comércio, a Valve já percebeu que pode ganhar muitos jogadores e consequentemente muito dinheiro ao distribuir seus jogos gratuitamente e se a mudança de estratégia mostrou-se um ótimo negócio para o Team Fortress 2, o que dizer então do Dota 2, título que já nasceu como um F2P e rapidamente tornou-se um dos mais jogados do planeta?

Portanto, caso o Left 4 Dead 3 seja realmente anunciado nos próximos dias, acho que seria natural a desenvolvedora tentar lucrar através das microtransações, isso sem falar no fato de que uma nova geração está por vir e os jogos que aparecerão nela poderiam ofuscar um pouco um lançamento “preço cheio”, fazendo com que o risco de colocar algo assim no mercado nos próximos meses seja consideravelmente alto.

A grande pergunta que fica é se o modelo F2P adotado por esse suposto L4D3 seria mais voltado para a venda de itens puramente cosmético ou se teríamos acesso a apenas uma parte da aventura e o restante exigiria o pagamento de pequenas quantias para ser desbloqueado, mas olhando para o que a Valve fez anteriormente, acho que a primeira opção é mais provável.

De qualquer forma, como o Left 4 Dead 2 é o jogo em que passei mais tempo no Steam, posso dizer que gostaria muito de ver um novo capítulo sendo lançado e que confio bastante na Valve como desenvolvedora, independente do caminho que decidirem seguir. Resta saber se a empresa finalmente aprendeu a contar até três.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários