Meio Bit » Baú » Software » Cópias de Arquivos Turbinadas com o TeraCopy

Cópias de Arquivos Turbinadas com o TeraCopy

10/01/2008 às 5:26

Quando li a respeito do programa fiquei cético. Seria bom demais para ser verdade: um programa que promete acelerar a movimentação e a cópia de arquivos no Windows graças a algoritmos melhorados de transferência assíncrona e ajustes de buffer de leitura, com o objetivo de minimizar o desperdício de recursos de processamento. Estou falando do TeraCopy.

O programa promete agilizar a transferência em discos físicos conectados ao computador, mas sobre isso o makeuseof.com já tinha falado (bem) no artigo que me inspirou a testar o programa. Resolvi então transferir a segunda (e podre) temporada de Heroes do HD do notebook para meu servidor Linux, via rede Samba, usando a rede sem fio como meio de transporte. O resultado não poderia ter sido melhor: transferência a alegados 5,9MB por segundo (rede de 54Mbps). Beleza só por isso o programa já estaria aprovado. Resolvi então fazer o teste no sentido inverso: copiar vários arquivos de vídeo do servidor Linux para o notebook, na mesma rede. Dessa vez o resultado não foi assim tão bom, apenas 1,9MB por segundo, que é a taxa normal que o Windows conseguiria.

Repeti os testes que o pessoal do makeuseof.com fez (de e para o pendrive, de e para partições diferentes no mesmo disco), e os resultados foram semelhantes, sempre satisfatórios, sempre com bem mais velocidade que a cópia normal do sistema operacional.

Mas não seria um teste clássico de programa se eu não tivesse conseguido fazê-lo travar. Peguei o CD de instalação do Ubuntu 7.10 que já estava no drive do Notebook, e selecionei todos os arquivos para serem copiados para uma pasta no disco C:. Os arquivos pequenos fluíram como um Dodge lomba abaixo (sorry se você não entende gauchês), mas na hora de copiar um arquivão com mais de 600MB do CD para o disco rígido, consegui fazer o programa parar com uma mensagem de erro. Cliquei na opção correspondente a continuar com o programa, mas nada de a cópia continuar. Mas ao reiniciar a cópia o arquivo se transferiu bem rapidamente: em dez minutos a cópia estava feita, contra vinte e dois minutos da cópia normal do Windows.

Além disso, o programa tem umas características bem interessantes:

  • você pode pausar e reiniciar as cópias a qualquer instante;
  • se ocorrer um erro, o programa tenta várias vezes copiar, e caso não consiga dá informações sobre o problema encontrado, para que o usuário decida o que fazer;
  • ele enfileira todos os arquivos, e caso dê problema em algum, ele continua com os demais (só por isso já valeria o programa);
  • ele se integra à shell, ou seja, vai ter uma opçãozinha TeraCopy no menu de contexto do Windows Explorer, para você poder copiar ou mover os arquivos selecionados à velocidade da luz (OK, eu sei que forcei agora).

O melhor de tudo é que o programa é "de grátis" para uso doméstico. É baixar e sair usando. E se você quiser pode pagar pela versão "pro", mas, lamento, eu não tive condições de testá-la, se é que me entendem...

Via makeuseof.com


Technorati : para us

relacionados


Comentários